F1 – Sainz surpreso com sua adaptação à Renault

Carlos Sainz

Carlos Sainz admitiu que não espera ser tão competitivo na Renault após trocar de equipe no último terço da temporada 2017 da Fórmula 1.

O espanhol substituiu Jolyon Palmer a partir do GP dos Estados Unidos e imediatamente se classificou à frente de Nico Hulkenberg, que passou o ano inteiro sem ser batido por Palmer na classificação, e depois chegou em sétimo na corrida.

Essa performance foi amplamente elogiada pela Renault, e Sainz largou em oitavo no México, mas rodou no começo da prova antes de abandonar com um problema na direção.

Ao ser questionado se está surpreso com seu bom desempenho, Sainz respondeu: “Um pouco, sim. Quando troquei de equipe nas categorias menores ou fiz um teste na F1 em 2013, percebi que poderia me adaptar muito rapidamente a qualquer coisa que tivesse”.

“Sei que sou bom nisso, mas não esperava ser tão competitivo desde o início. Foi um começo positivo nesse aspecto. Ainda tenho um longo caminho pela frente, acho que Nico ainda está alguns passos à frente, mas estou me aproximando e espero chegar lá antes do fim da temporada”.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.