F1 – Renault nega ‘atacar’ suas rivais

Red Bull e Mercedes

Red Bull e Mercedes

A Renault insiste que uma recente solicitação para esclarecer que as fabricantes da Fórmula 1 não estão autorizadas a queimar o óleo como combustível, não foi um “ataque” à qualquer uma de suas rivais.

Antes do primeiro teste de pré-temporada em Barcelona, a FIA respondeu a um pedido da Red Bull para saber se, para um aumento de potência, as equipes poderiam queimar o óleo como combustível.

Em meio a suspeitas da equipe de Milton Keynes que a Mercedes estava explorando esta área das regras para um reforço na classificação, a FIA respondeu que era claro que tal uso de óleo não era legal.

Cyril Abiteboul, da Renault, disse que recebeu bem o pedido de esclarecimento da FIA, não porque isso interrompia algo que outras estavam fazendo, mas porque garantia a clareza do que era permitido.

“A clarificação das regras é sempre muito importante, quer se trate de suspensão ou de sistemas de combustível, mas também de óleo”, disse Abiteboul à Autosport.

“Estamos agora no período do ano em que temos muita comunicação circulando – isso é importante”.

“Não estávamos atacando ninguém em particular, mas precisávamos ter certeza de que isso está claro para todos, e pode ser adequadamente monitorado e cumprido que a gasolina deve continuar sendo o principal combustível usado na F1”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.