F1 – Renault assumiu abordagem mais arriscada em Abu Dhabi

Nico Hulkenberg

A Renault decidiu assumir uma abordagem mais arriscada no final de 2017 neste fim de semana. Sem peças sobressalentes em um final da temporada de fraca confiabilidade para a marca francesa, a Renault decidiu no Brasil passar pelo fim de semana baixando a potência do motor.

Mas a revista alemã Auto Motor und Sport afirma que a potência está de volta à medida que a temporada termina neste fim de semana em Abu Dhabi. Isso porque é a última corrida, com a Renault 4 pontos atrás da Toro Rosso e apenas 2 à frente da Haas na classificação do campeonato de construtores.

Nico Hulkenberg diz que está feliz com o ano da Renault em geral. “Nós fizemos o que queríamos fazer”, disse o alemão. “Começamos mal, mas alcançamos muito”.

Quanto a essa batalha pelo sexto lugar com Toro Rosso e Haas, Hulkenberg afirma que ele pessoalmente não está muito interessado. “Sexto soa melhor do que sétimo, mas não mudará nossas vidas dramaticamente. Enquanto você não estiver na frente, tudo é irrelevante de qualquer maneira”, comentou.

Hulkenberg diz que a Renault trabalhou arduamente em 2017 para construir a equipe para o futuro com mais pessoas, equipamentos e melhores processos. “O inverno não é apenas quatro meses”, acrescentou ele. “Começamos a corrigir nosso curso alguns meses atrás. Muito tem acontecido na fábrica”.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.