F1 – Red Bull: Ricciardo temia se tornar segundo piloto

Daniel Ricciardo e Christian Horner

Christian Horner, chefe da Red Bull, acredita que Daniel Ricciardo está trocando sua equipe pela Renault porque teme acabar como “segundo piloto” de Max Verstappen.

“Daniel disse que decidiu que queria uma mudança após um longo voo para os Estados Unidos”, declarou Horner no podcast oficial da Fórmula 1.

“Se você olhar as razões racionais para isso, é difícil entender. Daniel teve suas razões. Creio que tudo se resume a querer encarar “um novo desafio”, nas palavras dele”.

“Mas também sinto que ele vê Max crescendo cada vez mais em termos de velocidade e força, e acho que ele não quer ser o segundo piloto, por falta de palavras melhores”.

“Eles não têm um tratamento diferente de maneira nenhuma. Eles teriam um status absolutamente idêntico, como sempre tiveram. Imagino que isso talvez tenha influenciado bastante a decisão de Daniel”.

Horner poderia compreender a saída de Ricciardo “se ele fosse para Ferrari ou Mercedes”, mas afirmou que assinar com a Renault, que está no pelotão intermediário da F1 enquanto reconstrói sua equipe de fábrica, é “um risco enorme neste estágio de sua carreira”.

Entretanto, Horner respeita o desejo de Ricciardo de “ter um papel principal, talvez em um ambiente menor”.

 

LS - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.