F1 – Red Bull culpa Hamilton e Bottas por colisões no México

Hamilton x Verstappen – México 2019

O conselheiro de automobilismo da Red Bull, Dr. Helmut Marko, disse que Max Verstappen não pode ser criticado pelas colisões em que esteve envolvido com os dois pilotos da Mercedes no GP do México.

Verstappen e Lewis Hamilton colidiram na primeira volta no Autódromo Hermanos Rodriguez, derrubando os dois pilotos no grid. Mas Hamilton não reclamou, disse que “provavelmente não foi intencional.”

Enquanto Hamilton se recuperava para vencer, a corrida de Verstappen foi de mal a pior quando fez uma manobra arrojada para ultrapassar Valtteri Bottas na seção do estádio, o que o deixou com um furo no pneu traseiro direito.

Marko diz que nenhum desses dois incidentes no México pode ser colocado na conta de seu piloto.

“Isso foi um pouco lamentável”, disse Marko à Auto Motor und Sport sobre o início da corrida de Max.

“Hamilton saiu um pouco e depois se virou contra Max. Então Max foi para a grama. Infelizmente, ainda estava um pouco molhado. Foi assim que ele perdeu tanto tempo.”

“Bottas poderia ter sido um pouco mais cuidadoso. Parece que ele não viu Max.”

“E então ele perfurou o nosso pneu. A manobra de Max foi realmente muito boa. Mas o resultado foi infelizmente muito ruim”.

A Red Bull pareceu acelerar no México depois de disputar corridas que eles esperavam se sair bem no Japão em Cingapura, mas Marko explica que o problema não está no RB15.

“Nosso carro era tão forte quanto no Japão. Infelizmente, falhamos na classificação”, disse ele.

“Sempre tivemos um carro veloz, exceto Cingapura e Rússia. Em Cingapura, estragamos o acerto; na Rússia, a nova gasolina não estava disponível. Faltou potência.”

“Mas espero que possamos conquistar vitórias nas próximas pistas”.

Clique AQUI para apostar no GP dos EUA

AS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.