F1 – Raikkonen não descarta novo contrato em 2021

Kimi Raikkonen

Kimi Raikkonen diz que é possível que ele continue correndo além do fim do seu contrato atual. Tendo estreado em 2001, o finlandês diz que atingir a marca dos 300 GPs neste fim de semana em Mônaco é “apenas um número”.

Mas apenas Michael Schumacher, Jenson Button, Fernando Alonso e Rubens Barrichello tiveram carreiras marginalmente mais longas. E se o campeão mundial de 2007, Raikkonen, correr até ao final do seu contrato de 2020 com a Alfa Romeo, ele vai estar no topo da lista.

Foi-lhe perguntado em Mônaco se as novas regras ainda não publicadas para 2021 irão determinar se ele assina outro contrato. “Não. Nunca se sabe o que acontece depois de uma grande mudança de regras, mas normalmente as grandes equipes ficam à frente”, disse Raikkonen, que faz 40 anos em outubro.

“Claro que seria bom se tudo se fechasse um pouco, não só para nós, pilotos, mas também para o esporte. Mas honestamente, ninguém sabe”, comentou.

Quanto às chances de Raikkonen entrar na nova era em 2021, ele afirmou: “O meu contrato expira no próximo ano, por isso vamos ver o que acontece depois disso. Depende de como correm as coisas e se ainda estou interessado em continuar”.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.