F1 pode ter carros com tração nas quatro rodas em 2021

Fórmula 1

Uma mudança para carros com tração nas quatro rodas deverá ser discutida pelos chefes e equipes da Fórmula 1 durante as conversas sobre as futuras regras de motores na próxima semana.

A FIA e os detentores dos direitos comerciais da F1 convidaram as equipes para uma reunião em Paris no dia 31 de outubro a fim de discutir o novo regulamento de carros e motores a partir de 2021.

Versões simplificadas da atual unidade V6 turbo são as opções favoritas, com mais partes padronizadas – incluindo o MGU-K – visando ajudar a reduzir os custos e aumentar a competitividade.

Mas alguns, como a Mercedes, são favoráveis a manter o complicado MGU-H, que recicla energia do calor do turbo, no coração dos motores de F1.

Uma alternativa para o MGU-H é introduzir um sistema de recuperação de energia cinética (KERS) no eixo dianteiro.

A tecnologia é similar à da Porsche no Campeonato Mundial de Endurance, onde a energia recuperada sob freada no eixo dianteiro é armazenada em baterias para distribuição posterior, fazendo com o que carro tenha tração nas quatro rodas.

Um KERS no eixo dianteiro ajudaria a melhorar a aderência mecânica e permitiria que os carros contornassem as curvas mais próximos uns dos outros, mas a tecnologia é cara e adicionaria peso aos monopostos já bastante pesados da F1.

“Como nós compensamos os 60% de energia elétrica que estão sendo perdidos?” disse Toto Wolff, chefe de competição da Mercedes. “Há várias possibilidades e o motor dianteiro é uma delas”.

“Não estamos absolutamente confinados a implementar motores dianteiros, mas temos de discutir todas as possíveis tecnologias que podem compensar a falta de potência”.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.