F1 – Ocon está “negociando” com a Williams

Esteban Ocon

Esteban Ocon admitiu que a Williams é sua última chance de conseguir um cockpit na Fórmula 1 para 2019.

O francês está desapontado não só por perder sua vaga na Force India para Lance Stroll, mas com o fato de Renault e McLaren terem deixado de ser opções recentemente.

“A situação é um pouco estranha porque eu tinha opções com duas grandes equipes e a maioria dos pilotos só pode sonhar com isso. Porém, vamos encontrar uma solução. Mesmo se eu ficar fora da próxima temporada, tenho certeza que retornarei à F1 em 2020”, declarou Ocon à emissora francesa TF1.

“Fiquei surpreso quando a Renault assinou um contrato com Daniel Ricciardo. A Renault explicou que fez isso porque eu estava no programa da Mercedes, mas eu não concordo com Cyril Abiteboul. Sim, sou um piloto da Mercedes, mas isso não importaria se eu estivesse na Renault. Estou um pouco chateado como esportista, mas não são apenas seus feitos esportivos que contam”.

Como a Renault, a Red Bull descartou uma vaga na Toro Rosso para Ocon por causa de suas ligações com a Mercedes, enquanto a Haas deverá manter seus dois pilotos atuais em 2019. Resta apenas a Williams, mas é mais provável que ela escolha um piloto com patrocínio. Ainda assim, a Williams é impulsionada pelos motores Mercedes e Toto Wolff já trabalhou na equipe.

“Não sei se posso ir para a Williams”, disse Ocon. “Estamos negociando e esperamos que tudo funcione. Não ter um contrato para a próxima temporada não é uma catástrofe, mas nunca se sabe como as coisas vão se desenvolver na F1. O que posso prometer é que farei o meu melhor em 2019 para retornar ao campeonato em 2020”.

Quer concorrer a uma réplica do capacete do Ayrton Senna? Clique AQUI e palpite sobre quem vai vencer o GP da Rússia de Formula 1 no próximo domingo!

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.