F1 – Mercedes: Ferrari nos ultrapassou

Lewis Hamilton em Sochi

O diretor da Mercedes, Toto Wolff, admite que o pacote geral da equipe “simplesmente não é suficiente” depois de estar bem fora do ritmo durante os dois treinos livres para o GP da Rússia realizados hoje.

Valtteri Bottas foi o piloto mais rápido da Mercedes na TL1, mas ainda ficou em P4 e mais de sete décimos atrás de Charles Leclerc, que liderou a sessão.

Foi uma história semelhante na segunda sessão de treinos, quando Bottas melhorou para P3 e Hamilton para P4, à frente de Sebastian Vettel, mas Bottas ainda ficou a 0,65s do ritmo com Max Verstappen desta vez no topo.

Não é estranho a Mercedes ser mais lenta sessões de treinos antes de liberar seu desempenho na classificação, mas Wolff insiste que a diferença nunca é “desse tamanho”.

“Foi um dia negativo, para ser franco”, disse Wolff à Sky Sports F1 após o TL2 na Rússia.

“Estamos fora do ritmo e lutamos para melhorar o carro mais do que já estamos fazendo no momento.”

A Mercedes ainda não conquistou a pole ou venceu desde que voltou das férias de verão, e Wolff acredita que essas lutas podem ser o resultado de não terem se esforçado o suficiente no desenvolvimento do carro.

“Nós realmente não melhoramos. Não nos esforçamos muito para desenvolver o carro, talvez esse também seja o motivo,” explicou.

“Outros também ganharam desproporcionalmente e perdemos. No final, tudo se resume a onde você tem os pneus na minha opinião.”

Wolff admite que a Mercedes apenas tenta alcançar a Ferrari desde as férias do verão, acreditando que seus rivais agora encontraram as respostas para desbloquear o desempenho do SF90.

“Nas últimas três corridas, não estávamos mais na pole e na corrida estávamos sempre perseguindo a Ferrari na caixa de cambio deles. Mas isso não basta, porque estamos perdendo velocidade em todas as retas e não temos o suficiente mais para compensar nas curvas”, disse Wolff.

“A Ferrari provavelmente entendeu melhor como o carro funciona”.

Lewis Hamilton concorda com Wolff e disse que a Mercedes está perdendo quase um segundo para a Ferrari apenas nas retas de Sochi.

Hamilton teme que o déficit de velocidade da Mercedes em relação à Ferrari prove ser demais para tirar, acrescentando que a Scuderia está “melhorando a um ritmo sério”.

“Foi um dia de descobertas e explorações, tudo começou muito mal e não melhorou muito. Estamos perdendo oito décimos de segundo para os Ferraris só nas retas – explicou Hamilton.

“Mesmo assim, estamos melhorando, mas eles estão melhorando a um ritmo sério. Estamos apenas tentando descobrir como podemos melhorar o carro, mas não é uma tarefa fácil.”

“O balanço do carro começou razoável, depois meio que diminuiu, e foi um pouco melhor no final da segunda sessão.”

“É uma loucura, porque você está constantemente tentando acompanhar a progressão da pista e, à medida que a progressão aumenta, o equilíbrio muda. Você faz algumas alterações, a frente melhora ou a traseiras melhora.”

“É um ato de equilíbrio constante. Você só tem algumas oportunidades de mudar a configuração. Vai ser um dia difícil amanhã, mas espero que esteja chovendo, ouvi dizer que estará chovendo! ”

Questionado se ele acha que a Mercedes pode encontrar tempo suficiente para desafiar a Ferrari e a Red Bull, Hamilton respondeu: “Essa é a pergunta de um milhão de dólares, eu não sei.”

“Naturalmente, acredito nos meus caras. Acho que não estamos tirando o máximo proveito do nosso carro.”

“Essa foi a questão principal que tivemos nas últimas três corridas. Ainda estamos tentando descobrir, mas não está nada fácil.”

“É bom ver a concorrência indo bem. Mas queremos estar lá brigando.”

O vencedor do GP da Rússia de 2017, Valtteri Bottas, que ultrapassou seu companheiro de equipe em ambas as sessões, diz que espera que a chuva afete os procedimentos no sábado.

“Red Bull e Ferrari foram um pouco rápidas demais hoje”, acrescentou.

“Foi bom, não havia grandes problemas de equilíbrio com o carro, apenas talvez lutando um pouco com a aderência geral e derrapando com as quatro na gora de forçar mesmo.”

“Mas, além disso, me senti bem e me diverti, mas obviamente precisamos encontrar ganhos se quisermos lutar pela pole amanhã.”

“De qualquer forma, acredito que no domingo temos uma boa chance – na verdade, espero chuva amanhã. Acho que podemos ter uma chance melhor de se classificar.”

AS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.