F1 – McLaren nega disputa pelo poder envolvendo Dennis

Ron Dennis

A McLaren negou as alegações de que o ex-chefe da equipe, Ron Dennis, está se preparando para assumir um controle maior da companhia baseada em Woking.

Em meio à péssima temporada da equipe britânica em 2013, houve rumores de que o cargo de Martin Whitmarsh como chefe pode não estar seguro. Os rumores sugeriam que Dennis estava se preparando para retomar o controle da operação de Fórmula 1.

Nesta semana, Mark Kleinman, repórter da emissora britânica Sky, disse que Dennis estaria considerando a possibilidade de aumentar o seu poder comprando a parcela de 25 por cento de Mansour Ojjeh, co-proprietário da McLaren.

“Comenta-se que o Sr. Dennis está angustiado com a performance atual da equipe”, escreveu Kleinman, acrescentando que uma luta pelo poder com Whitmarsh pode ocorrer.

Ele acrescentou que Dennis pode estar visando a China para ajudar a financiar o acordo. Nesta semana, ele se juntou a David Cameron, primeiro-ministro do Reino Unido, em uma delegação oficial para o país mais populoso do mundo.

“Nenhum país é mais importante para minha visão global para a McLaren do que a China”, afirmou Dennis em uma declaração.

Entretanto, um porta-voz da McLaren minimizou as alegações de Kleinman, garantindo que Ojjeh “não expressou nenhum desejo de vender” suas ações. “Tudo segue normalmente”, declarou o porta-voz ao Telegraph.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.