F1 – McLaren decidirá sobre a F-Indy para 2020 no meio do ano

Zak Brown

Zak Brown diz que a McLaren está decidindo se vai entrar com uma equipe completa de dois carros na Fórmula Indy em 2020 ou 2021. “Não há dúvida de que os acionistas da McLaren gostariam de estar na Indycar. Acho que é mais um quando do que um se”, disse ele.

Brown, que é o chefe de equipe da McLaren, pulou o GP chinês no fim de semana passado e, em vez disso, participou da corrida da Indy em Long Beach. Gil de Ferran comandou a equipe em seu nome em Xangai. “Gil está na China, mas assim que voltar, ele começará a se concentrar em Indianápolis”, explicou Brown.

Brown está se referindo às 500 Milhas de Indianápolis, que Fernando Alonso enfrentará pela segunda vez no próximo mês.

Mas Brown diz que o desafio de 2019 é diferente. “2017 foi fácil porque Michael (Andretti) fez a maior parte do trabalho e tem muita experiência. Esta é uma experiência totalmente diferente. Este é um esforço completo da McLaren”, comentou ele.

De fato, o ex-chefe da Force India, Bob Fernley, está executando o programa da McLaren na Indy, e Brown disse que uma equipe em tempo integral está no caminho certo. “É um lugar onde a McLaren gostaria de correr”, declarou ele.

“Temos estado muito concentrados na Fórmula 1 e continuamos muito concentrados na F1. Se o fizéssemos (na Indy) para 2020, teríamos que tomar essa decisão no verão (europeu). Portanto, não é nada que tenhamos descartado para 2020, mas se não for assim, vamos olhar para 2021”, acrescentou.

Quando perguntado se Alonso é central nos planos da McLaren para a Indy, Brown respondeu: “Não”. Na verdade, o espanhol não está descartando um retorno à F1 para 2020.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.