F1 – Massa pede que FIA fique de olho em Hamilton

f111-massa nervoso-615
Lewis Hamilton voltou a se envolver em confusão neste domingo em Suzuka. O inglês tocou novamente em Felipe Massa em uma tentativa de ultrapassagem, o que fez com que o brasileiro perdesse um pedaço da asa de sua Ferrari. Desta vez, ao contrário do que aconteceu em Cingapura, Hamilton não foi punido.

O duelo era pela quarta posição. Hamilton salienta que não viu o rival. “A única coisa que tenho a dizer é que eu não posso ver nada fora dos meus retrovisores, que vibraram tanto na reta que eu não tinha ideia de que ele estava lá. Talvez seja algo que se possa corrigir, mas eu não tenho problemas com ele”, explicou.

Massa, por sua vez, ficou furioso com o novo contratempo e pede que a FIA fique de olho em Hamilton. “Eu não me importo, para ser honesto, em saber o que ele disse. A única coisa que me interessa é o que ele fez”, disparou.

“Ele ficou muito lento na curva 130R e ficou no lado direito. Eu estava muito mais rápido, então fui para o lado esquerdo e freei, fiquei no meu traçado. Ele mudou de trajetória e tocou em mim, não há mais nada a dizer. Eu só me importo com o que a FIA possa fazer. Eles têm penalizado as pessoas por muito menos neste ano e desta vez eles não fizeram isso. Já aconteceu muitas vezes, a FIA precisa ficar de olho”, prosseguiu Massa.

Quando perguntado pelo site Autosport se não seria melhor para ele falar cara a cara com Hamilton para resolver o problema, Massa respondeu: “Não. Ele não aprende. Como eu disse antes, eu não me importo. Corro contra ele, contra qualquer piloto da mesma forma. Eu realmente não me importo. Já passou o momento de falar com ele, eu tentei e não deu certo. Talvez eu fale com o Charlie (Whiting, diretor de corridas da FIA)”, finalizou.

EB – www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.