F1 – Marko: Caso encerrado sobre colisão de Baku

GP do Azerbaijão

Helmut Marko diz que a Red Bull resolveu completamente o incidente ocorrido em Baku entre Daniel Ricciardo e Max Verstappen, insistindo que o caso está encerrado.

Os pilotos sofreram uma dolorosa colisão no Azerbaijão, quando Ricciardo bateu na traseira de Verstappen, colocando os dois fora da corrida, para grande irritação da equipe.

De volta à base da equipe em Milton Keynes, os pilotos enfrentaram uma palestra do chefe da equipe, Christian Horner, e uma clara advertência caso repetissem suas palhaçadas de Baku.

“Não há culpado. O capítulo está fechado”, disse Marko ao Sport Bild. “Nós os deixamos correrem, mas eles têm que mostrar respeito, o que eles não fizeram”.

Muitos especialistas atribuem a culpa pelo choque à Verstappen, e Marko admite que o jovem holandês está agora sob pressão.

“Max quer muito e se coloca sob muita pressão”, disse ele. “Ele tem que aprender a ser capaz de ceder às vezes – especialmente agora, por causa da frequência dos incidentes”.

“É difícil para ele, mas ele sabe. Também foi o mesmo com Sebastian [Vettel] no passado. Eu vejo as semelhanças”.

“Max sabe que ele será automaticamente responsabilizado pelo próximo incidente, quer ele possa fazer alguma coisa sobre isso ou não”.

“Também precisamos dos pontos. Então da próxima vez ele tem que pensar ainda mais do que antes”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.