F1 – Lotus não tem vantagem injusta, segundo Wurz

Lotus

Alex Wurz minimizou as sugestões de que a Lotus tem uma vantagem injusta sobre suas rivais da Fórmula 1 em 2013.

Desde que a Pirelli descartou seu desatualizado carro de testes – um Toyota de 2009 – ela vem usando um monoposto de 2010 da Renault para desenvolver os pneus da categoria. O R30 foi construído pela equipe Lotus em Enstone para a temporada 2010, quando ela era a equipe de fábrica da Renault.

Portanto, alguns sugeriram que os pneus de 2013 da Pirelli se adaptam melhor ao E21, porque o R30 e a máquina de 2013 da Lotus compartilham a mesma filosofia básica de projeto. Entretanto, Wurz acredita que o argumento é inválido.

“Cada equipe poderia ter disponibilizado um carro de testes para a Pirelli, mas ninguém mais quis fazê-lo. Eu não creio que eles (Lotus) têm um benefício. Esses pneus são padronizados; todos têm o mesmo número de testes, o mesmo tempo para se desenvolver e se adaptar a eles. Todos estão lidando com o mesmo problema, que é tentar superar a competição e encontrar uma vantagem. É uma oportunidade, e não uma desvantagem”.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.