F1 – Horner admite que a Red Bull está “menos competitiva” em 2019

Red Bull

Christian Horner admitiu que a Red Bull deu um ligeiro passo para trás em relação a 2018.

A equipe trocou os motores Renault por uma colaboração de fábrica com a Honda em 2019, e os dirigentes da Red Bull se dizem entusiasmados com a mudança.

Porém, Horner declarou: “Nós não estamos tão competitivos quanto no final da última temporada por várias razões”.

Ele explicou à Speed Week que uma das razões são os pneus mais “duros”, acrescentando: “A combinação disso com o novo conceito aerodinâmico não nos ajudou”.

“Mudar o conceito da asa dianteira é um negócio difícil e precisamos de algum tempo para ganhar velocidade. Contudo, estamos no caminho certo”.

“A Fórmula 1 sempre diz respeito à evolução. Nós estamos ganhando terreno gradualmente no lado do chassi, a Honda está progredindo com o motor e a confiabilidade está muito boa comparada aos anos anteriores”.

“Mas nossos oponentes também não estão descansando. A Ferrari teve um novo motor da Espanha, assim como a Renault, e a Mercedes terá no Canadá. Não temos influência no que eles fazem, mas estamos satisfeitos com nosso próprio programa”.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.