F1 – Grosjean se considera um “cidadão do mundo”

Romain Grosjean

Romain Grosjean diz que se sente mais europeu do que francês ou suíço.

Apesar de se identificar como francês na Fórmula 1, Grosjean na verdade nasceu em Genebra e continua vivendo na Suíça com sua família.

“Eu nasci em Genebra, mas me sinto mais um piloto francês, porque toda a minha jornada no esporte foi feita na França, porém aprecio o ar das montanhas”, declarou ele à emissora France 2. “Sinto-me mais europeu do que francês ou suíço”.

Grosjean inclusive citou Sócrates ao falar sobre sua nacionalidade: “‘Não sou ateniense, nem grego, mas sim um cidadão do mundo'”.

“Agora correndo em uma equipe norte-americana, posso ter outra perspectiva sobre isso”, disse ele ao ser questionado a respeito de uma controvérsia recente sobre a residência na Suíça por razões fiscais. “Nós viajamos bastante na F1, e isso abre a mente”.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.