F1 – Governo diz não aos planos do GP da Dinamarca

Fórmula 1

Os planos para organizar um GP na Dinamarca caíram, por enquanto. Os organizadores de uma proposta de corrida de rua em Copenhaga reuniram-se com oficiais da F1 em 2018, e alegadamente conseguiram um circuito aprovado pelo conceituado projetista Herman Tilke.

“A cidade é única e o circuito proposto será muito bonito com os edifícios icônicos ao fundo”, disse Tilke na época.

O projeto, defendido pelo político dinamarquês Helge Sander e pelo rico Lars Seier Christensen, teve até o apoio da FIA.

O prefeito de Copenhague, Frank Jensen, retirou seu apoio, mas, segundo o jornal BT, Sander continuou trabalhando nos planos em segredo. “A organização da Fórmula 1 me mandou explorar as possibilidades, e eu tenho estado em contato com várias cidades”, afirmou ele.

Duas delas – Aalborg e Roskilde – eram realistas, e havia apoio municipal e interesse específico de investidores privados. Mas um projeto tão grande também requer o apoio do governo”, prosseguiu.

Esses planos avançaram até o primeiro-ministro dinamarquês Mette Frederiksen, que encaminhou o projeto ao ministro do governo Simon Kollerup. Sander declarou: “Eu pedi uma reunião onde pudesse apresentar os planos, mas só recebi uma resposta por escrito”.

Sander revelou que, na carta do governo, foi avisado que uma corrida de F1 “não é uma prioridade para o governo neste momento”. “No entanto, reconheço os passos verdes que a Fórmula 1 está dando ultimamente e gostaria de saber mais sobre esse desenvolvimento mais adiante”, acrescentou a carta.

Sander disse que a resposta foi uma “grande decepção”. “Há atualmente vários países tentando entrar no calendário do campeonato mundial, e sei pelos meus encontros com a organização da Fórmula 1 que eles gostariam muito de correr na Dinamarca”, finalizou ele.

Clique AQUI para fazer suas apostas esportivas

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.