F1 – FOTA deixou de ter um propósito, segundo Marko

F110-horner-marko-china-sexta615
A Red Bull abandonou a FOTA porque a associação das equipes deixou de ter um bom propósito, declarou Helmut Marko nesta semana.

“A FOTA cumpriu seu propósito no período de crise, e, portanto, houve uma redução nos custos, mas no que diz respeito aos feitos, não havia nada mais”, disse Marko à emissora austríaca Servus TV na segunda-feira.

O chefe da equipe, Christian Horner, concordou: “Nos últimos 12 meses, não ficou muito claro qual era o propósito da FOTA”. Marko acrescentou: “Se não conseguimos chegar nem sequer ao menor denominador comum nas reuniões, é impossível não questionar qual é o sentido de todo o esforço”.

Alguns acreditam que a quebra da FOTA dá à Red Bull e à Ferrari posições individuais poderosas para negociar contratos lucrativos com Bernie Ecclestone no próximo Acordo de Concórdia. Outros se preocupam com a possibilidade de as equipes da Fórmula 1 voltarem à corrida financeira insustentável do passado.

“Nós decidimos nos retirar neste momento, e agora vamos ver como as coisas se desenvolvem”, afirmou Horner ambiguamente.

Por enquanto, a divisão tem Red Bull e Ferrari, com os maiores orçamentos da Fórmula 1, de um lado, e competidores poderosos, incluindo McLaren e Mercedes, do outro. “Creio que é absolutamente vital que a FOTA exista”, declarou Norbert Haug, chefe de competição da Mercedes, a repórteres na segunda.

O site francês Autohebdo.fr relatou que os membros restantes da FOTA irão se reunir nesta terça. O chefe executivo da Mercedes, Nick Fry, disse: “Nós certamente encontramos um obstáculo, mas eu acredito que o trabalho para tentar resolver isso vai continuar nos bastidores, e nós faremos o possível para ajudar”.

LS – www.autoracing.com.br 

 

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.