F1 – FIA investiga bandeira quadriculada antecipada em Suzuka

GP do Japão 2019 – Bandeira quadriculada

A FIA lançou uma investigação sobre o motivo do painel digital da bandeira quadriculada ter sido mostrado uma volta antes do previsto no GP do Japão.

A corrida de Suzuka deveria ter 53 voltas, mas entende-se que a luz quadriculada apareceu na volta 52. O regulamento da Fórmula 1 afirma que a prova termina assim que a bandeira quadriculada é mostrada.

O artigo 43.2 do regulamento esportivo da F1 diz: “Se por alguma razão o sinal de fim da corrida for dado antes do carro líder completar o número de voltas programado ou do tempo prescrito ter se esgotado, a corrida será considerada concluída quando o carro líder tiver cruzado a linha pela última vez antes do sinal ser dado”.

Isso significa que o resultado final do GP do Japão teve de ser declarado no complemento da volta 52 ao invés da 53, o que não alterou nada entre os primeiros colocados, mas teve alguns efeitos no pelotão intermediário.

Sergio Perez, da Racing Point, ficou com o nono lugar. Ele se envolveu em um incidente com Pierre Gasly, da Toro Rosso, no que deveria ter sido a última volta e bateu nas barreiras.

Nico Hulkenberg (Renault) caiu para 10º, com o companheiro de Perez na Racing Point, Lance Stroll, sendo rebaixado de 10º para 11º.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.