F1 – Ferrari satisfeita com ‘jogador de equipe’ Leclerc

Sebastian Vettel e Charles Leclerc

A estreia de Charles Leclerc na Ferrari, em Melbourne, recebeu elogios de Maranello, por sua capacidade de jogar em equipe.

Leclerc cruzou a linha em quinto lugar, a mesma posição que ele classificou. O piloto monegasco perdeu posições na abertura da corrida, mas conseguiu chegar em Sebastian Vettel no final, que havia sido ultrapassado por Max Verstappen.

A Ferrari instruiu o piloto de 21 anos a ficar atrás de Vettel, já que queria levar os carros até o final, e até optou por não colocá-lo com pneus novos para ter uma tentativa na volta mais rápida, que oferece um ponto extra neste ano.

“Estou feliz com a forma como ele está se comportando como um jogador da equipe”, disse Mattia Binotto.

“Não apenas como piloto, ele é muito útil para a equipe, mas também tem uma afirmação muito ousada de dar o melhor de si, forçando os engenheiros a tentarem provar a si mesmos e a um carro melhor”.

“Eu acho que se você julgar todo o final de semana, é muito forte. A classificação dele não foi perfeita, ele está ciente disso, mas acho que ele também pilotou bem no Q1 e no Q2, talvez não seja perfeito no Q3, mas em geral ele teve um final de semana muito bom”.

A Ferrari parecia estar atrás da rival Mercedes durante o fim de semana, mas Leclerc diz que não há motivo para entrar em pânico depois de apenas uma corrida.

“Não foi a melhor corrida para mim e para a equipe, poderia ter sido melhor. Mas por outro lado, a Austrália é uma pista muito estranha e isso não é motivo para pânico agora”.

“Obviamente, precisamos fazer algum trabalho porque a Mercedes parece muito forte. Mas acho que estamos mais próximos do que mostramos”.

IB - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.