F1 – Ferrari, Mercedes e Red Bull blefando?

Max, Lewis, Ric, Vettel e Kubica

Como de costume nas primeiras sessões de treinos quando o regulamento da F1 muda, as equipes principais tem forte tendência a blefar.

“É só quando todos tirarem as calças amanhã na classificação que você vê onde cada um está”, observou Christian Horner entre os treinos.

As acusações voaram em várias direções. Sebastian Vettel disse que a margem de oito décimos da Mercedes sobre seus rivais, na prática, mostrou que seus comentários públicos sobre o quanto a Ferrari foi mais rápida na pré-temporada eram “besteira”.

Mas Wolff, chefe da Mercedes, rebateu Vettel: “Nosso carro vem melhorando desde a segunda parte da pré-temporada, mas neste momento não sabemos o nível de performance dos outros. A Ferrari certamente está escondendo alguma coisa.”

Daniel Ricciardo também não acha que o ritmo da Ferrari nos dois treinos livres foi real.

“A Mercedes mostrou tudo que tem, o que era meio esperado”, reconheceu o piloto favorito da casa. “Eles foram rápidos, mas eu ainda não acho que a Ferrari ou outras equipes tenham mostrado suas cartas”.

Charles Leclerc disse que a curiosa perda de desempenho da Ferrari entre a primeira sessão de treinos, quando andou no ritmo da Mercedes, e o TL2, foi devido a condições tempestuosas no circuito de Albert Park.

“O TL1 tinha sido muito positivo, eu estava muito feliz com isso”, explicou ele. “Mas no TL2 foi um pouco menos, pouco mais dificuldades. O vento aumentou e nós parecemos lutar um pouco mais.”

“Mas sem pânico, vamos tentar descobrir o que está errado e já temos algumas ideias de como consertar isso para amanhã.”

Os comentários de Leclerc corroboraram os de Vettel de que ele achava que o equilíbrio da Ferrari era tão bom quanto nos testes, mas não em todos os momentos. No ano passado, a equipe fez regularmente um trabalho sólido, refinando seu acerto de sexta para sábado, graças aos esforços de Daniil Kvyat e Antonio Giovinazzi no simulador. Será que o novo contratado Pascal Wehrlein será capaz de fazer a mesma mágica? (O recém-chegado do simulador da Ferrari, Brendon Hartley, está em Sebring.)

A probabilidade é que as “três grandes” estivessem perdendo mais velocidade do que seus rivais. Isso é confirmado ao se verificar que elas estão muito mais longe do ritmo de 2018 nesta pista do que qualquer uma das outras equipes. Fora a Williams, que neste início de ano parece no caminho para uma repetição de sua terrível campanha de 2018.

“Acho que não vimos todas as cartas de nenhuma equipe”, admitiu Valtteri Bottas. “Sabemos o quanto podemos melhorar para a classificação e para a corrida. Mas não temos ideia de quanto os outros podem.”

“A Ferrari foi muito forte nos testes de inverno. Eu não acho que a velocidade deles tenha desaparecido de repente. Com certeza eles estavam testando algo bem ‘diferente’.

Ainda não há indicações de que a Renault, campeã do segundo pelotão do ano passado, tenha feito progressos significativos para encostar de fato nas três grandes. Ricciardo foi frustrado por um problema no cinto de segurança em seu primeiro treino oficial com a equipe.

“Para ser honesto, a maior parte do dia foi um dia difícil”, admitiu ele. “Fizemos uma volta com os pneus macios no final da TL2, o que nos colocou em um lugar mais competitivo. Mas os stints longos também não foram bons. Então nós ficamos nesses altos e baixos.”

“Ainda há muito o que aprender com o carro e ainda, provavelmente, algumas maneiras de acertá-lo melhor, alguns pequenos truques aqui e ali. Nico [Hulkenberg] obviamente tem um pouco mais de conhecimento com isso, então eu vou tentar entender um pouco dessa direção também e por enquanto eu provavelmente vou aprender algumas coisas com ele e talvez com o passar do tempo ele aprenda algumas coisas comigo.”

“Mas o carro não parece tão ruim agora. Os stints longos de Hulk foram melhores que os meus e realmente impressionantes, então isso é positivo. ”

Ou, como seu chefe disse: “Calça abaixadas no sábado, quando todo mundo precisa colocar na pista tudo o que tiver.”

AS - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.