F1 – Equipes serão submetidas a amostra do limite orçamentário em 2020

Chase Carey

A Fórmula 1 realizará uma amostra das novas regras de limite de orçamento no próximo ano, revelou o CEO Chase Carey.

Na verdade, o teto orçamentário anual de 175 milhões de dólares por equipe só será aplicado a partir de 2021, mas Carey diz que as equipes apoiam sua implementação. “Algumas equipes tinham preocupações ou problemas em andamento, mas estão cada vez mais apoiando”, disse ele.

Uma das maiores preocupações é que o teto orçamentário será difícil de policiar, especialmente porque as estruturas de algumas das equipes maiores em particular são altamente complexas.

“Nós não teríamos feito isso se não achássemos que fosse executável”, afirmou Carey, da Liberty Media. “Em 2020, todas as equipes participarão efetivamente de uma amostra em termos de sacudir os erros de contabilidade dos custos”.

Carey disse que um dos maiores benefícios da Fórmula 1 é que o controle de custos pode atrair novas equipes para o grid. “Falei sobre os objetivos competitivos”, acrescentou ele, “mas é igualmente importante que apoiemos um modelo de negócios que seja positivo para as equipes existentes e para as novas equipes em potencial que estão chegando”.

Carey revelou que “as discussões com potenciais novas equipes” já estão ocorrendo.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.