F1 – Empresário de Leclerc minimiza influência política

Charles Leclerc

Nicolas Todt negou estar usando sua influência política para dar a Charles Leclerc o status de primeiro piloto da Ferrari.

Alguns vêm fazendo a conexão entre o pai de Todt – o presidente da FIA e ex-chefe da Ferrari Jean Todt – e a aparente mudança na hierarquia da equipe italiana.

“Eu não estou tentando causar problemas”, disse Nicolas Todt ao site alemão motorsport-magazin.com. “É claro, se houver algo a discutir, estou sempre lá para ajudar meu piloto. Mas só quero garantir que meu piloto esteja na melhor posição possível, isso é tudo”.

Portanto, o francês minimizou sua influência na Fórmula 1, incluindo sua ligação com o atual presidente da FIA.

“Eu tenho dois (Leclerc e Daniil Kvyat) dos 20 pilotos da F1, o que não é muito”, insistiu ele. “Quando eu converso com uma equipe a respeito de um piloto, é porque acredito nele”.

“Não creio que alguma equipe já tenha contratado um piloto por causa do meu pai – acho que ele nem conhece todos os pilotos dos quais sou empresário. Charles está na Ferrari porque ele entrega resultados na pista, o que considero inegável”.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.