F1 – Domenicali diz que Ferrari não precisa de comando enérgico

s_domenicali.2Stefano Domenicali rechaçou alegações de que a Ferrari precisa ter uma liderança de “pulso firme”, uma figura mais carismática em seu comando. Muitos fãs da escuderia italiana querem como chefe da equipe uma figura como o polêmico treinador do Real Madrid, José Mourinho.

“Mourinho é meu amigo”, disse Domenicali ao jornal esportivo espanhol AS. “Eu não vou falar mal dele. Todo mundo tem seu próprio estilo. Se ganhar é um problema de ser duro ou mole, eu digo que em 2008 ganhamos (o campeonato de construtores)”.

“Eu não me importo com o que é dito, o importante é ter autoridade dentro do grupo que você governa. E, francamente, se no ano passado, ganhássemos o título em Abu Dhabi, não seria diferente agora? Você vê? Desculpe dizer isso, mas você tem que usar a cabeça. Eu respeito o que você está dizendo, mas eu discordo”, completou o chefe da Ferrari, questionando o repórter espanhol.

A fase mais vencedora da Ferrari veio com o francês Jean Todt e o britânico Ross Brawn no comando. Fala-se com certa insistência na contratação do polêmico Flavio Briatore, ex-chefe da Renault.

EB – www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.