F1 – Camilleri garante que não há pânico na Ferrari

Louis Camilleri

Louis Camilleri, CEO da Ferrari, assegurou que “não há pânico” em Maranello após a quinta derrota consecutiva para a Mercedes no último fim de semana.

Seções da mídia italiana dizem que a equipe está vivendo uma “crise real” depois que a Mercedes ampliou ainda mais sua vantagem apesar das atualizações do motor e do carro da Ferrari em Barcelona.

“Não há pânico. Meu trabalho é prevenir que os rumores se espalhem, então agora é o momento de manter a união”, declarou Camilleri ao Gazzetta dello Sport.

Camilleri disse que o chefe da equipe, Mattia Binotto, que admite que até mesmo o “conceito” básico do carro de 2019 está sendo revisto, tem seu “apoio total”.

“Tenho certeza que ele encontrará uma solução. Agora, nós estamos tendo dois dias de testes importantes e estou certo de que podemos nos recuperar rapidamente. Eu não tenho uma bola de cristal, então não posso dizer quando encontraremos uma solução, mas tenho certeza que esse teste vai ajudar”.

Contudo, ele admitiu que o GP de Mônaco do próximo fim de semana pode ser outra corrida dura para a Ferrari.

“Há muitas curvas lentas e estreitas similares ao terceiro setor em Barcelona, onde enfrentamos problemas o fim de semana inteiro”, afirmou Camilleri.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.