F1 – Bratches preocupado com transmissões por TV a cabo

Sean Bratches

A Liberty Media tem expressado preocupações sobre quedas de audiência que o chefe comercial Sean Bratches afirma que ocorrem devido à tendência de transmissões por TV a cabo.

O jornal Daily Mail diz que a cobertura limitada na Grã-Bretanha fornecida pela emissora aberta Channel 4 está abaixo de 4,3 milhões nas cinco primeiras corridas de 2019.

Na Grã-Bretanha, a TV paga Sky tem direitos exclusivos de transmissão ao vivo para os treinos, classificação e as corridas. “Isso nos preocupa de uma forma bastante material, não apenas para a Grã-Bretanha, mas em todo o mundo”, admitiu Bratches.

“Do ponto de vista da marca, a Fórmula 1 não está nem perto da posição em que pode perder a audiência gratuita. Este é um acordo que foi feito antes da nossa chegada”, disse ele, referindo-se aos negócios realizados por Bernie Ecclestone.

“O elemento de pagamento é muito emocionante em termos de receitas, mas do ponto de vista do alcance é sub-ótimo”, completou Bratches, que, contratualmente, não pode fazer nada quanto à situação, a menos que a Sky “inicie” uma mudança.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.