F1 – Braçadeira causou abandono de Hamilton em Cingapura

Lewis Hamilton

O chefe da Mercedes explicou o que aconteceu com Lewis Hamilton no GP de Cingapura deste domingo. O piloto da Mercedes, que vinha em quarto lugar, de repente perdeu potência em seu carro e teve que abandonar.

“Tivemos uma peça muito pequena – uma braçadeira de metal – que quebrou (na unidade de potência) e teve um efeito enorme”, disse Toto Wolff. “Esse grampo estava segurando uma estrutura e, em uma ondulação, saiu fora e causou um vazamento”.

“Foi uma aberração, sim. Nós construímos esse projeto por um longo tempo. É uma braçadeira de metal típica e ela simplesmente quebrou. O motor de Lewis não deveria ter nenhum problema”, completou o dirigente.

Hamilton, ainda líder absoluto do campeonato, acredita que ele tinha ritmo para desafiar os líderes. “Eu estava me sentindo muito bem, muito otimista”, afirmou ele. “Eu tinha mais ritmo no carro, então eu estava ficando animado sobre os pit stops e quando eu poderia começar a acelerar para ver onde poderia chegar”.

“Na minha mente, eu pensei que poderia ter a chance de ganhar esta corrida, mas depois perdi potência. Eu me sentia confiante de que eu seria capaz de, ao menos, chegar até a segunda ou terceira posição”, concluiu ele.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.