F-Indy adotará Aeroscreen da Red Bull em 2020

Conceito aeroscreen da Red Bull

A Fórmula Indy anunciou a decisão de introduzir uma nova versão do Aeroscreen da Red Bull como implemento de segurança em 2020. O Aeroscreen foi inicialmente testado na Fórmula 1 em 2016, mas sem a estrutura semelhante ao Halo atualmente usada.

Christian Horner, chefe da equipe Red Bull, é o CEO da Red Bull Advanced Technologies em colaboração com a IndyCar. Horner disse em um comunicado no site da IndyCar: “Desde que os primeiros protótipos foram desenvolvidos e demonstrados em 2016, o potencial do Aeroscreen para melhorar a segurança dos pilotos no caso de impactos frontais na área do cockpit dos carros tem sido claro”.

“Esta nova parceria com a IndyCar nos dá a permissão da Red Bull Advanced Technologies para explorar plenamente esse potencial, e oferecer um sistema de proteção que ajudará a prevenir lesões graves e potencialmente salvar vidas na primeira série de monopostos dos EUA”, prosseguiu.

“Nos próximos meses, vamos trabalhar em estreita colaboração com a IndyCar e seus pilotos para refinar e aperfeiçoar o Aeroscreen, e estamos ansiosos para ver os resultados em 2020”, finalizou ele.

A tela laminada é de policarbonato e revestida com anti-reflexo no interior para evitar o máximo de brilho possível. Quando foi testado em 2016, não havia uma estrutura de titânio no interior da tela. Esta nova estrutura pode suportar 150 kilonewtons, o que é equivalente ao desempenho do Halo.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.