Campos Racing revela intenção de entrar na F1 em 2021

Adrian Campos

Uma firma baseada em Mônaco deixou claro que tem intenções sérias de entrar na Fórmula 1 em 2021, o primeiro ano do novo regulamento que potencialmente inclui o teto orçamentário.

A Monaco Increase Management tem fortes ligações com a Campos Racing. Eles consideraram a possibilidade de entrar na F1 em 2010, a última vez que um teto orçamentário foi planejado. A equipe eventualmente inscreveu a HRT, que disputou três temporadas.

“Após a primeira reunião com Chase Carey no GP da Espanha em Barcelona no dia 11 de maio e as reuniões seguintes na sede do Grupo da F1 em Londres com Ross Brawn em 15 de maio e 31 de julho, ficou claro que uma equipe espanhola preencheria o vazio deixado pela aposentadoria de Fernando Alonso e aumentaria o interesse dos fãs espanhóis, da TV e a audiência da mídia”, afirmou uma declaração.

“Além disso, o apoio da Federação Espanhola, a disponibilidade das instalações da Campos Racing e também o conhecimento da equipe, já competindo e vencendo na Fórmula 2 e Fórmula 3, tornam a Espanha uma sede perfeita para uma nova equipe de F1”.

“Estamos em um estágio avançado de negociações com as atuais equipes e fabricantes de motores da F1 visando garantir a melhor parceria possível para uma equipe espanhola competitiva a partir de 2021. Entrar no Campeonato Mundial de F1 em 2021 será um projeto a longo prazo”.

A declaração confirmou que as novas regras de 2021 são atrativas para equipes menores e novas. Eles acreditam que “há uma ótima oportunidade para equipes menores competirem e tornarem o Campeonato Mundial de F1 mais interessante e equilibrado novamente”.

Durante a temporada 2019 da F2, a Campos venceu três corridas e atualmente ocupa a quinta posição no campeonato de equipes.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.