Análise mostra que a F1 foi meio segundo mais veloz em 2015

Fórmula 1

Os carros de Fórmula 1 foram cerca de meio segundo por volta mais velozes neste ano em comparação com o início da controversa era das unidades de potência em 2014.

Essa é a descoberta da revista alemã Auto Motor und Sport depois de analisar os tempos de volta em classificação e corrida de 2014 e 2015.

As regras se mantiveram bastante estáveis de uma temporada para a outra, apesar das mudanças nos bicos, na construção dos pneus traseiros da Pirelli e um peso mínimo do carro ligeiramente maior.

Apesar disso, os tempos em classificação foram em média 0.519s mais rápidos em 2015 do que no ano passado.

A maior diferença em um tempo de volta – 1.696s – foi em Cingapura, onde uma chicane foi alterada. Já no Brasil, os tempos foram 1.259s mais lentos devido à instalação de zebras bem mais agressivas.

Quanto às voltas mais rápidas em corrida, a análise concluiu que a F1 foi em média 0.350s por volta mais veloz do que em 2014.

O maior salto – 1.533s – foi visto em Melbourne, seguido por Montreal e Monza, enquanto Xangai, Spa, Interlagos e Abu Dhabi na verdade tiveram tempos mais lentos.

Com o desenvolvimento das unidades de potência entre 2014 e 2015, as velocidades máximas aumentaram em 13 das 18 provas analisadas. Na Austrália e na Rússia, o aumento foi de 11 km/h.

 

LS - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.