Alonso tentou sabotar carro de Hamilton, revela biografia de Ecclestone

hamilton_alonso_inner_copyO ano de 2007 não foi dos mais pacíficos dentro da Mclaren. A tradicional equipe britânica havia contratado Fernando Alonso, que tinha ao seu lado o até então novato Lewis Hamilton.

O clima entre os dois pilotos, naquela época, ficou conhecido pela sua intensa negatividade, uma vez que a rivalidade entre o espanhol e o inglês acabou causando brigas internas dentro da equipe prateada.

Várias temporadas depois, surge uma revelação inédita até então, mostrada na nova biografia de Bernie Ecclestone, o chefe máximo da F1.

O livro chamado “No Angel” revela que Alonso pediu para Ron Dennis, sócio da Mclaren e chefe da equipe naquela época, para sabotar o carro de Hamilton, assegurando que o Mclaren do britânico ficasse sem combustível em uma das provas de 2007.

Segundo a publicação de Tom Bower, Alonso desejava que Dennis fizesse dele o primeiro piloto da Mclaren e um ultimato foi dado no Grande Prêmio da Hungria daquele ano, a famosa corrida onde Alonso, sentindo-se prejudicado durante a classificação, “segurou” Hamilton no momento de seu pit stop. Alonso também teria ameaçado mandar e-mails para a FIA que pudessem comprometer a Mclaren negativamente diante da entidade máxima do automobilismo mundial, revelou o livro.

FH – www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.