Jump to content
Forum Autoracing
Sign in to follow this  
Igor Árabe

F1 2017 - GP dos Emirados Arabes - 24/11 a 26/11

F1 2017 - GP dos Emirados Arabes - 24/11 a 26/11  

11 members have voted

  1. 1. Quem fará a Pole?

    • Hamilton
    • Vettel
    • Bottas
    • Ricciardo
      0
    • Raikkonen
    • Verstappen
      0
  2. 2. Quem será o vencedor?

    • Hamilton
    • Vettel
    • Bottas
    • Ricciardo
      0
    • Raikkonen
    • Verstappen
      0
  3. 3. Qual equipe conseguirá a 6a colocação nos construtores?



Recommended Posts

Caraio :shock::shock::shock:

 

Se isso tudo que está na matéria estiver certo então *oda-se quem tem o melhor carro. Estamos na F-Motor.

 

É disso que a Red Bull sempre reclama. E olha que eles andam na frente da equipe de fábrica.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Leiam a coluna do Adauto de hoje no Autoracing.

 

Mais claro que isso impossível!

 

http://www.autoracing.com.br/f1-em-abu-dhabi-venceu-o-melhor/

 

nao creio que temperatura da pista seja tao decisivo para a mercedes vencer.

Em Austin, a temperatura ambiente era perto dos 30 graus, Hamilton fez a pole. Depois chegou, passou o vettel e foi embora, venceu facilmente.

E nem tinha essa versao do motor nova que estao falando.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Até antes de Silverstone eu também achava que a Mercedes era melhor carro que a Ferrari me baseando nos números da temporada (Hamilton tinha diminuído uma grande desvantagem para apenas 1 ponto na época). Aí veio aquela que classifico como a melhor coluna do Adauto no ano (melhor que a do GP do Brasil) com a explicação do como a Ferrari conseguiu estraçalhar os pneus na pista inglesa. A partir daí comecei a pesquisar sobre o que o Adauto disse sobre a Ferrari e sobre a Mercedes em outros veículos e fui encontrando explicações na mesma linha (com dificuldades é claro porque o mainstream é analista apenas de resultado final e portanto o melhor carro é o que ganhou).

 

Ao nobre colega que falou sobre Austin: A temperatura estava mais baixa do que de costume e amanheceu chovendo pracaraleo no dia da corrida (o Alonso até postou um vídeo no Facebook dele mostrando a chuva). Portanto a pista estava lavada (menos aderência que o ideal) e temperatura amena. O mesmo fenômeno de Cingapura quando não era para a diva prateada ter passeado com tanta facilidade na frente do Ricciardo mas a pista estava lavada e a temperatura estava amena e a diva sorriu.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
Até antes de Silverstone eu também achava que a Mercedes era melhor carro que a Ferrari me baseando nos números da temporada (Hamilton tinha diminuído uma grande desvantagem para apenas 1 ponto na época). Aí veio aquela que classifico como a melhor coluna do Adauto no ano (melhor que a do GP do Brasil) com a explicação do como a Ferrari conseguiu estraçalhar os pneus na pista inglesa. A partir daí comecei a pesquisar sobre o que o Adauto disse sobre a Ferrari e sobre a Mercedes em outros veículos e fui encontrando explicações na mesma linha (com dificuldades é claro porque o mainstream é analista apenas de resultado final e portanto o melhor carro é o que ganhou).

 

Ao nobre colega que falou sobre Austin: A temperatura estava mais baixa do que de costume e amanheceu chovendo pracaraleo no dia da corrida (o Alonso até postou um vídeo no Facebook dele mostrando a chuva). Portanto a pista estava lavada (menos aderência que o ideal) e temperatura amena. O mesmo fenômeno de Cingapura quando não era para a diva prateada ter passeado com tanta facilidade na frente do Ricciardo mas a pista estava lavada e a temperatura estava amena e a diva sorriu.

Boa interpretação dos fatos :positivo::positivo::positivo:

Share this post


Link to post
Share on other sites
Eu me referia à quantidade de combustível. O colega Gustavo me passou esse link bem interessante: https://www.auto-motor-und-sport.de/formel-1/vettel-muss-sprit-sparen-benzinverbrauch-gp-abu-dhabi-2017-5887468.html

Não vi nada sobre isso em nenhum outro lugar. Se for verdade mesmo, as unidades de potência da Mercedes ainda estão MUITO à frente dos outros.

 

Um detalhe sobre os motores que todos nós sabemos mas que talvez não estejamos lembrando:

 

Lembram daquela polêmica em que acusavam a Mercedes de queimar óleo com o combustível? Aí limitaram a partir da Itália a queima em 0.9 litro por 100 km... Aí fizeram um acordo de cavalheiros entre as fabricantes para todas lançarem a 4ª e última versão de seus motores no novo regulamento... Aí a Mercedes safadinha antecipou a 4ª versão para Spa Francorchamps e pode continuar no regulamento de 1.2 litro por 100 km... Então: poder queimar mais óleo ajuda na combustão (+ potência), diminui a temperatura e otimiza o consumo de combustível. Ferrari e Renault sofreram para se adaptarem ao regulamento de 0.9 litro. E a dona Mercedes nadou de braçada.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Até antes de Silverstone eu também achava que a Mercedes era melhor carro que a Ferrari me baseando nos números da temporada (Hamilton tinha diminuído uma grande desvantagem para apenas 1 ponto na época). Aí veio aquela que classifico como a melhor coluna do Adauto no ano (melhor que a do GP do Brasil) com a explicação do como a Ferrari conseguiu estraçalhar os pneus na pista inglesa. A partir daí comecei a pesquisar sobre o que o Adauto disse sobre a Ferrari e sobre a Mercedes em outros veículos e fui encontrando explicações na mesma linha (com dificuldades é claro porque o mainstream é analista apenas de resultado final e portanto o melhor carro é o que ganhou).

 

Ao nobre colega que falou sobre Austin: A temperatura estava mais baixa do que de costume e amanheceu chovendo pracaraleo no dia da corrida (o Alonso até postou um vídeo no Facebook dele mostrando a chuva). Portanto a pista estava lavada (menos aderência que o ideal) e temperatura amena. O mesmo fenômeno de Cingapura quando não era para a diva prateada ter passeado com tanta facilidade na frente do Ricciardo mas a pista estava lavada e a temperatura estava amena e a diva sorriu.

Até pode tentar justificar o domínio das Mercedes em alguma condição mas tem mais exemplos:

 

Suzuka temperatura ambiente era 26 graus. Temp da pista 44 graus.

Estava quente.

 

Pole não foi feita por Ferrari, mas pelo Hamilton. Na corrida que foi o dia mais quente do FDS quem reclamou do carro foi o kimi

 

"It's kind of weird, our cars are running perfectly and suddenly on Sunday there is an problem that nobody expects. There is some work to be done on that side. "

 

Mais uma vitória Mercedes em pista quente.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Até pode tentar justificar o domínio das Mercedes em alguma condição mas tem mais exemplos:

 

Suzuka temperatura ambiente era 26 graus. Temp da pista 44 graus.

Estava quente.

 

Pole não foi feita por Ferrari, mas pelo Hamilton. Na corrida que foi o dia mais quente do FDS quem reclamou do carro foi o kimi

 

"It's kind of weird, our cars are running perfectly and suddenly on Sunday there is an problem that nobody expects. There is some work to be done on that side. "

 

Mais uma vitória Mercedes em pista quente.

 

KIMI?

 

Quando vc vai desistir?

Share this post


Link to post
Share on other sites

KIMI?

 

Quando vc vai desistir?

Só falei do link porque não tinha mais nenhum outro piloto guiando Ferrari aquele dia. Vettel não fez a pole, largou em terceiro. mas na corrida teve problemas com a Ferrari dele muito cedo. Eu já sabia que essa sua resposta seria a única possível pra tentar refutar. O kimi é fraco, claro, mas não estou fazendo uma análise da PERFORMANCE dele. Ele está dando o feedback do que ele sentiu Do carro de sábado para domingo.

No domingo esquentou e o carro piorou.

Share this post


Link to post
Share on other sites
A principal diferença que desequilibra o jogo é o fator MOTOR.

Se fossem todos com mesmo motor a red bull venceria esse campeonato.

Sim. E talvez o Alonso fosse o terceiro!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
nao creio que temperatura da pista seja tao decisivo para a mercedes vencer.

Em Austin, a temperatura ambiente era perto dos 30 graus, Hamilton fez a pole. Depois chegou, passou o vettel e foi embora, venceu facilmente.

E nem tinha essa versao do motor nova que estao falando.

 

Até aonde sei, a janela de temperatura é extremamente estreita.

Se tiver dentro, até Williams ganha em Barcelona, mas tiver fora, dá merda...

 

O carro da Mercedes é bom, mas não tão equilibrado como a Ferrari.

O pneu "casou" com a pista + motor à pleno vapor = BENGA!

 

Senão dava até um peguinha alí com o Tião Mimimi.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Um detalhe sobre os motores que todos nós sabemos mas que talvez não estejamos lembrando:

 

Lembram daquela polêmica em que acusavam a Mercedes de queimar óleo com o combustível? Aí limitaram a partir da Itália a queima em 0.9 litro por 100 km... Aí fizeram um acordo de cavalheiros entre as fabricantes para todas lançarem a 4ª e última versão de seus motores no novo regulamento... Aí a Mercedes safadinha antecipou a 4ª versão para Spa Francorchamps e pode continuar no regulamento de 1.2 litro por 100 km... Então: poder queimar mais óleo ajuda na combustão (+ potência), diminui a temperatura e otimiza o consumo de combustível. Ferrari e Renault sofreram para se adaptarem ao regulamento de 0.9 litro. E a dona Mercedes nadou de braçada.

A principal função da queima do lubrificante não é causar um aumento na eficiência do combustível . E sim aumentar a resistência do combustível a detonação.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Até pode tentar justificar o domínio das Mercedes em alguma condição mas tem mais exemplos:

 

Suzuka temperatura ambiente era 26 graus. Temp da pista 44 graus.

Estava quente.

 

Pole não foi feita por Ferrari, mas pelo Hamilton. Na corrida que foi o dia mais quente do FDS quem reclamou do carro foi o kimi

 

"It's kind of weird, our cars are running perfectly and suddenly on Sunday there is an problem that nobody expects. There is some work to be done on that side. "

 

Mais uma vitória Mercedes em pista quente.

 

Vc é quem quer justificar a falta de braço do seu ídolo Vettel. Suzuka era para a Ferrari fazer a pole, evidentemente com Vettel porque Kimi não faz nada na F1 há anos.

 

Para o Vettel falta braço, um piloto de tocada quadrada que erra não apenas uma, mas duas, três vezes numa volta de classificação na maioria das vezes.

 

Faltou braço pra ele no qualy de Suzuka, assim como faltou braço pra ele vencer 7 das 9 primeiras corridas do ano e fechar o campeonato.

 

Em volta de classificação Vettel é um prego comparado a Hamilton.

 

https://www.youtube.com/v/o_boUOJXUYY&feature=youtu.be

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...
Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...