Jump to content
Forum Autoracing

Dox

Members
  • Content Count

    19,933
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    69

Everything posted by Dox

  1. Assim, superficalmente, eu dou razão ao Frank Williams. Segundo a BMW, a Williams não está à altura de seus motores, mesmo sendo parceiras no momento, o que, convenhamos, é bem anti-ético. A coisa já começou com a história da entrada do Heidfeld que, independente de suas qualidades, foi de uma maneira um pouco desgastante. Esse Mario Theissen quer se tornar um Briatore na marra, e usa a fábrica alemã para o seu trampolim. Agora que a coisa tá redonda quanto ao desempenho do carro, vem essa discórdia. Espero que a BMW sofra mais uns 5 anos prá botar a Sauber competitiva, só prá ver que as coisas não são fáceis. Além disso, todas as equipes não conseguiram derrotar a Ferrari nesse período, o que não é demérito pro Tio Frank.
  2. Dos que eu experimentei, os da linha Grand Prix, do Geoff Crammond, são melhores quanto à fidelidade à realidade. O Grand Prix 4 é o último da série, com uma perfeição incrível quanto à topografia das pistas e reações dos carros. Mas perde para seu antecessor, o Grand Prix 3, quanto aos recursos de customização, pois seu código é muito fechado e não permite atualizações. No Grand Prix 3 é possível jogar campeonatos em rede, salvando as etapas, trocar pistas (há quase todas que conhecemos disponíveis para download), criar pinturas de carros, capacetes, enfim, somando-se os prós e contras, ainda o considero melhor, pois roda num PII 350 com 8mb de vídeo.
  3. Eu jogo GP3 e as que mais exigem, principalmente no acerto do carro, é Sepang e Shangai. Kyalami Original também dá prá sofrer um pouco. Normalmente as problemáticas são aquelas que possuem grandes variações entre trechos de alta e baixa velocidade, além de curvas com raio variável.
  4. E aí, Brandes. Muito agradável ler seus posts. Instrutivos e dentro do contexto dos foruns dos quais você participa e dos que foi impedido de participar. Por sinal seu peril estava vazio hoje pela manhã. E agora está preenchido.
  5. Ainda não morremos e não estamos no céu, rodeados de santos e anjos. Numa Indy 500, onde os prêmios são vultuosos, pode acreditar que sim. Ou será que o Ed Carpenter tá lá prá vencer, Nisham?
  6. Será que querem mais grana ou querem se livrar do cara? :[469]:
  7. O melhor carro é a McLaren. O piloto mais rápido é o Kimi. Vai dar Alonso. O piloto mais azarado da história chama-se Kimi Raikkonen. Vai morrer na praia sempre. E olha que eu até torço prá ele, depois dos Brazucas, é claro.
  8. O Kimi é quem pisou na bola. Se ele faz a reta mais lento, diminui a trepidação e aguenta mais uma volta, o que seria suficiente. Mas tomar uma ultrapassagem ali seria ruim pro ego, e acho que ele ficou mais feliz com a porrada do que ficaria com o segundo lugar. E tem a Hipótese Schumaqueira Adelaideana, que seria aquele "não vi" e dar aquela fechada.
  9. Concordo, Spyder. Mas como as equipes são de 2 carros, poderíamos ter combates internos, o que seria mais saudável para o esporte.
  10. Não vejo como, Leone. Se ele não venceu em Imola, nunca mais vai ter outra chance dessas. E mesmo se vencesse, eu teria minhas dúvidas quanto ao equipamento. Carro de uma corrida só não existe. Maracutaia sim.
  11. Dos monopostos, os que eu mais gosto são os da Champ Car. Mas só visualmente. Estes carros mereciam uns pilotos melhores. E também mereciam regras que dessem maior valor ao esforço de quem tá pilotando (agora falando de IRL também), e não aos espectadores, que acabam sendo ludibriados por uma suspeita rodada de um piloto, faltando 15 voltas, e ajudar alguma Danica, que precisaria de um splash, e acabou por não precisar mais. Alguém duvida que numa Indy 500 não tem uns 2 ou 3 que estão lá só prá atender aos pedidos da organização e simular bandeiras amarelas? Vindo dos americanos, com certeza.
  12. Acho que o Reinado nunca foi do Schumacher. Qualquer um, naquele cockpit, naquelas condições, seria campeão nestes últimos 5 anos. Se houvesse lealdade dentro da equipe, teria sido uns Barrichello 3x2 Schumacher. O que acabou foi uma superioridade descomunal de máquina e estratégia, que agora não conseguem encobrir um pneu deficiente desde 2003. Agora que o equipamento está nivelado às outras equipes, entregou-se o verdadeiro vilão, que muitos não vêem dessa forma e acham que a Ferrari despencou de uma hora prá outra, empatando com a Red Bull. Se a Bridgestone acertar a borracha, a Ferrari vem babando e pode conseguir chegar ao título de construtores. O de pilotos? Acho que esse campeonato não existe há um bom tempo, visto que piloto não é tão necessário a bordo.
  13. Torço para que eu esteja errado, mas ainda não surgiu outros fenômenos no Brasil, como E Fittipaldi, N Piquet e A Senna. Encontrar outros pilotos nesse nível , é como achar uma agulha no palheiro. PP Cacá Bueno?
  14. Torço para que eu esteja errado, mas ainda não surgiu outros fenômenos no Brasil, como E Fittipaldi, N Piquet e A Senna. Encontrar outros pilotos nesse nível , é como achar uma agulha no palheiro. PP PPP... Para aparecerem outros fenomenos, a F1 deveria voltar a ser com foi até o final dos Anos 90. Do jeito que esta a parafernalha eletronica, nao favorece em nada, a fazer o piloto ser um fenomeno, pois, nao é mais preciso saber acelerar(TC), cambiar, frear, contornar etc etc. Um carro de F1 hoje esta muito mais rapido, freando muito mais, contornando muito mais, dos que os de antes de 90, entao nao se precisa mais de fenomenos, e sim de um piloto com otimos reflexos, pois o resto, a Equipe faz pra ele, como por exemplo: ultrapassagens no Box. Eu sei que estou sendo um tanto quanto radical, mas é mais ou menos isso Concordo, Leone. É uma pena que não tenhamos as transmissões da GP2 aqui pro Brasil, prá poder avaliar melhor o desempenho dos caras. Mas com essa eterna dependência de downforce, dificilmente teremos grandes possibilidades de ataques eficazes, pois se grudar no cara da frente, escorrega e perde espaço, e até posições.
×
×
  • Create New...