Stock Car – Comentários de sexta-feira – Goiânia 2017

Cacá Bueno

Rafael Suzuki, P2: Foi um bom dia. Obviamente dei poucas voltas nos dois treinos porque temos uma condição de pneus não muito boa, acabamos gastando muitos compostos nas últimas corridas. Acho que foi bom o tempo que a gente virou, não eram quatro pneus novos, eram dois pneus bem usados, então, viramos bem. Melhoramos bastante do primeiro para o segundo treino, é difícil dizer o quanto esta bom, pelas condições diferentes entre seco e chuva da segunda sessão, onde o segundo grupo ficou com pista molhada, mas com certeza estamos no mesmo patamar que a gente vem das últimas corridas. Não foi difícil se acostumar com os 50hp a mais, acho que teremos um bom final de semana aqui em Goiânia.

Denis Navarro, P3: Os pilotos estão sentindo a maior diferença da potência do motor quando fazem a retomada de aceleração entre segunda e terceira marcha após a saída de curva. Eu gostei bastante e sinto que foi positivo para a categoria também”, diz Denis. “O carro está bem constante e estamos bem competitivos. Nós fomos 12º no treino da manhã e agora ficamos em terceiro antes de chegar a chuva. Isso mostra que estamos no caminho certo e vamos trabalhar para fazer um bom classificatório amanhã e disputar a corrida na parte da frente no domingo.

Diego Nunes, P4: Estamos satisfeitos com os treinos. Deu pra sentir um pouco a diferença dos 50 cavalos a mais, o setup ficou parecido. O nosso carro esta bom, tanto no seco quanto na chuva, então amanhã é encaixar a volta e acertar no qualyfing para estar no Q3, começando a construir o primeiro pódio do final de semana.

Sérgio Jimenez, P7: Testamos três mudanças durante o treino e duas funcionaram muito bem e nos levaram pra frente. Evoluímos bastante quando colocamos pneus melhores, então foi legal. Claro que a posição é irrelevante agora e tem o fato do outro grupo ter andado na chuva, mas se não fosse isso, acho que terminaríamos em 14o, 12o, o que está perto da nossa meta de andar entre os 10 primeiros. Vamos torcer para amanhã darmos um passo a mais para frente.

Cacá Bueno, P8: O carro ficou um pouco mais rápido e divertido para dirigir. Na reta não muda muita coisa, mas em baixa velocidade, nas saídas de curva, o carro parece realmente mais rápido. O carro está bom, o resultado não refletiu a qualidade do carro, principalmente porque usamos pneus bastante usados. Quando eu coloquei pneus melhores, começou a chover, então daí perdemos qualquer parâmetro por causa da água que caiu. O importante é que o carro parece bom.

Galid Osman, P9: Vamos ver se encaixo mais um pódio.

Átila Abreu, P10: Foi um bom dia, tivemos um treino bastante produtivo. Começamos com uma ideia de trabalho muito clara e no começo percebemos que não era o melhor caminho. Fomos mexendo ainda no primeiro treino, mexemos mais um pouco no segundo, e o carro mostrou evolução. No segundo treino, com o pneu velho, viramos um tempo bastante competitivo e, quando fomos colocar o pneu melhor, veio a chuva, o que interrompeu o treino. A questão é saber como o carro se comporta com o pneu melhor, como será o ganho de performance. Se tiver esse ganho, vamos estar na briga pela vitória. Mas a chuva impediu de fazermos uma leitura melhor e complicou o treino do Zonta. Teremos tempo amanhã para isso, saímos com um dia bem positivo.

Márcio Campos, P17: Conseguir ficar entre os mais rápidos nas duas condições de pista mostra que temos um acerto muito bom. Estamos preparados para qualquer situação que possa aparecer amanhã. Vamos brigar pelas primeiras posições do grid e queremos voltar ao pódio.

Thiago Camilo, P18: Vai ser uma corrida interessante. Muita coisa muda, o botão de ultrapassagem passa a ter menos valor e o consumo de pneus, que não era uma das maiores preocupações aqui em Goiânia, passa a ser. Treinei em condições de corrida, com pneus bem usados, de manhã, e ia usar o treino da tarde para acertar o carro para a classificação. Vou ter que recuperar o tempo perdido amanhã de manhã, no último treino livre, porque só andei de pneus de chuva no segundo treino, mas pelo menos nessa condição o carro foi o mais rápido enquanto estive na pista.

Felipe Fraga, P22: Eu andei na chuva hoje e a previsão é de que caia mais água amanhã, então é bom que já fizemos um teste no traçado molhado. Eu gosto de andar na chuva, então tomara que chova amanhã também para dar mais emoção no final de semana.

Marcos Gomes, P24: O carro ficou bem mais divertido de guiar. Com a nova potência, a aceleração é mais forte na saída de curva, chega até a destracionar. Devemos ficar até um segundo mais rápido e, como se sabe, piloto gosta sempre de mais velocidade, então a prova Goiânia 500 tem tudo para marcar uma nova fase da Stock Car.

Gabriel Casagrande, P25: Se a ideia era deixar a coisa legal, eles conseguiram. Deu pra sentir já a diferença no seco e na chuva. Achei muito legal e conforme o carro for evoluindo vai ficar mais legal ainda. Que a gente transforme isso em resultado.

Lucas Foresti, P27: Acreditava que o tempo baixaria hoje, mas a grande comparação vem amanhã com treinos voltados para a classificação e a tomada de tempos em si, isso se não chover de novo, pois amanhã temos 75% de chances de precipitação à tarde. Nosso treino é às 13h, então vamos ver. Mas acredito que de manhã essa marca já será quebrada.

Guga Lima, P29: No primeiro treino, chegamos bem, acertando o carro junto com o Jimenez, colocamos pneus melhores e deu pra ver uma evolução. Mas, infelizmente choveu no segundo treino no meu grupo. Por outro lado, foi bom porque amanhã tem possibilidade de chuva, então deu para ver o comportamento do carro e da pista nessas condições, então não foi tão prejudicial assim.

Ricardo Zonta, P32: O primeiro treino foi muito importante para ver a melhora do carro e qual direção tomar. Com isso, o treino do Átila também foi essencial para vermos que estamos no caminho certo no acerto do carro. É claro que com essa chuva a pista ficou bem molhada e as condições mudaram, com alguns pontos tendo muitas poças. Optamos em não andar no molhado por causa das poças, porque quanto mais os caros andam, ficam menos poças, só que como choveu muito forte, não arriscamos alguma coisa por causa dessas poças. Mas sabemos que o carro está bom e evoluindo bastante, estamos confiantes.

EB - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.