Stock Car – Beto Monteiro visa temporada completa em 2018

Beto Monteiro

Beto Monteiro é conhecido no esporte nacional por ter um dos currículos mais variados do automobilismo. O piloto pernambucano conciliou, em 2017, a atuação na Copa Truck e na Stock Car, aproveitando os intervalos desses dois campeonatos para participações vitoriosas em corridas de longa duração nos Estados Unidos e no Brasil e também em competições das várias modalidades do kart, além de testes esporádicos com carros de diversas categorias.

“Foi mais um ano bastante movimentado para mim nas corridas, isso é algo de que me orgulho bastante”, manifesta o piloto, que entrou para a história da Copa Truck como campeão da primeira das minicopas que compuseram a disputa pelo título geral de 2017. Monteiro conquistou o título da Copa Centro-Oeste, que compreendeu as rodadas duplas de Goiânia e de Campo Grande, com uma vitória, um segundo, um quarto e um oitavo lugar.

A consolidação da Copa Truck, criada para manter a forte tradição das corridas de caminhões no Brasil, foi um dos pontos mais positivos de 2017 no automobilismo nacional, segundo Monteiro. “Fiquei feliz demais pelo evento ter nascido tão forte, conquistar o primeiro título foi uma satisfação pessoal muito grande”, enalteceu o pernambucano, que defendeu a Lucar Motorsport. “Esse título só foi possível à consistência dos caminhões Iveco”, atribuiu.

Foi atuando na Stock Car, contudo, que Monteiro identificou seu maior desafio em 2017. “Eu já tinha feito algumas participações na categoria, mas na condição de piloto convidado, na corrida de duplas. Desta vez foi diferente, eu entrei no campeonato já na metade, encarei esse desafio com a Mico’s Racing, uma equipe que estava fora das corridas havia mais de um ano. Isso gerou um desafio muito grande, e também muito aprendizado”, reconheceu.

A defasagem técnica em relação às equipes que vinham atuando com regularidade e a adaptação a um novo campeonato submeteram Beto Monteiro a metas particulares. “Viemos traçando um objetivo a cada corrida, e em alguns momentos atingimos um nível de competitividade muito bom. Considerando as circunstâncias da volta da equipe e da minha participação, terminar a Corrida do Milhão em 15º lugar foi algo muito positivo”, exemplificou.

Monteiro exibiu no carro alaranjado da Mico’s Racing na Stock Car o número 188. Ele negocia com seus patrocinadores a participação inédita numa temporada completa da categoria. “Como eu disse, tivemos um aprendizado muito grande em 2017 na Stock Car e a condição de dar sequência a isso e fazer um trabalho positivo no ano que vem é muito boa. Estamos trabalhando por isso”, finalizou.

EB - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.