Sainz lamenta por Mick Schumacher no Bahrain

Mick Schumacher

Carlos Sainz diz que sente muito por Mick Schumacher. Um grande encontro de imprensa se aglomerou em torno do filho da lenda da F1, Michael Schumacher, no Bahrain, onde ele faz sua estreia na Fórmula 2 antes de testar os carros da Ferrari e da Alfa Romeo na próxima semana.

Schumacher, 20 anos, e sua empresária Sabine Kehm, decepcionaram os repórteres ao dizer que o jovem alemão só queria falar sobre a F2. Sainz disse no Bahrain: “Eu realmente simpatizo com ele, porque eu sei algo sobre isso”.

Na verdade, o pai de Sainz é uma lenda mundial de mesmo nome. “Mick vai passar um mau bocado nesta temporada”, previu Sainz, piloto da McLaren. “Quando você é filho de um campeão, às vezes pode ser uma experiência dolorosa, porque as pessoas estão sempre dizendo ‘Aqui está o filho de tal e tal’.  “Você também quer ganhar um nome para si mesmo, e não tenho dúvida de que Mick também está fazendo isso”.

Sainz disse que Schumacher “ganhou a sua oportunidade” de testar para as equipes de F1 na próxima semana “graças ao seu talento e aos seus resultados”. O ex-chefe da F1 Bernie Ecclestone concorda que Schumacher tem um “grande fardo sobre os ombros” neste fim de semana no Bahrain.

“As pessoas vão sempre compará-lo”, declarou ele à Auto Bild. “Ele deve ter metade da esperança de ganhar (a corrida de Fórmula 2) e metade da esperança de perder. O meu conselho é que ele não se envolva em tudo isso, ele deve apenas fazer a sua parte”.

Finalmente, o Dr. Helmut Marko, da Red Bull, completou: “Seria bom para ele se pudesse correr com um nome diferente, mas isso já não é possível. Tudo o que sei é que ele precisa de nervos extremamente bons para sobreviver a tudo isto”.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.