Rubens Barrichello conclui sua sexta temporada na Stock Car

Rubens Barrichello

Final de mais uma temporada, a sexta de Rubens Barrichello na Stock Car. O piloto de 46 anos completou mais um ano de carreira ativa, somando assim 19 na principal categoria de automobilismo mundial, e 6 na principal categoria nacional, adicionando ainda um ano na Fórmula Indy e outros em categorias de acesso.

Barrichello, que largou da vigésima terceira posição na última etapa em Interlagos, escalou o pelotão e recebeu a bandeira quadriculada em sexto. O resultado somou mais 31 pontos na tabela e garantiu o quarto lugar, com um total de 242 pontos.

Foram 2 pole positions, 2 vitórias e 3 pódios na temporada 2018. A retrospectiva fica assim: pódio na corrida de convidados com Filipe Albuquerque, pódio na primeira corrida em Londrina, vitória na Corrida do Milhão, pódio no Velo Città e vitória na segunda etapa de Londrina. Excelente saldo para o ano de um dos pilotos mais experientes na história do automobilismo.

Um ano maravilhoso! Tivemos alguns problemas que nos deixou com uma instabilidade durante a temporada que acabou nos distanciando do Daniel Serra, que fez uma bela temporada e levou o título. Vitórias importantes, e esse foi um 2018 de redenção para mim que passei por um problema de saúde no começo da temporada. Enfim, só tenho a agradecer à equipe Full Time, aos meus parceiros Mobil, Eurofarma e nesta última etapa a entrada da Helpay no carro. Estou de alma lavada e já com saudades de pilotar meu #111.” – disse Rubens Barrichello.

Marília Goldschmidt, a coordenadora de marketing da Mobil, que está com Rubens desde 2016 e neste ano era o principal apoiador do piloto, resumiu o ano para a marca: “Neste domingo se encerrou uma temporada que começou com uma grande incerteza para nós da Mobil. No começo do ano, quando recebemos a noticia do AVC do Rubinho, não tínhamos certeza de como essa temporada terminaria para nós em relação ao Motorsports. Hoje, no entanto, consigo dizer que foi uma etapa maravilhosa e de muita superação. Logo na primeira corrida após o incidente com o Rubens, conseguimos um emocionante 2° lugar na prova de Duplas. Além disso, conquistamos importantes vitórias como a incrível Corrida do Milhão e também em Londrina. Já no âmbito de Marketing, utilizamos a Stock Car para lançarmos a nossa principal campanha do ano com a mudança do layout do carro 111 na etapa de Londrina. A campanha ‘Se tem movimento, tem Mobil’ visa mostrar a todos a grande importância dos nossos lubrificantes que estão presentes no dia a dia das pessoas com seus carros, motos e caminhões, mas também estão presentes em locais onde menos se imagina, como em uma expedição para o espaço e também no Bondinho do Pão de Açúcar. Gostaria de agradecer a Full Time Sports e ao Rubens Barrichelo por essa temporada surpreendente.

Confira a classificação final dos pilotos no campeonato:

1. Daniel Serra, 338 pontos

2. Felipe Fraga, 310

3. Julio Campos, 252

4. Rubens Barrichello, 242

5. Max Wilson, 210

6. Átila Abreu, 208

7. Marcos Gomes, 202

8. Ricardo Zonta, 184

9. Cacá Bueno, 172

10. Gabriel Casagrande, 155

11. Thiago Camilo, 134

12. Lucas di Grassi, 127

13. Cesar Ramos, 74

14. Diego Nunes, 66

15. Nelson Piquet Jr., 65

16. Rafael Suzuki, 61

17. Allam Khodair, 61

18. Ricardo Maurício, 54

19. Lucas Foresti, 49

20. Felipe Lapenna, 46

21. Antonio Pizzonia, 44

22. Vitor Genz, 43

23. Denis Navarro, 23

24. Bia Figueiredo, 21

25. Guga Lima, 17

26. Bruno Baptista, 16

27. Gaetano di Mauro, 14

28. Valdeno Brito, 13

29. Esteban Guerrieri, 13

30. Sérgio Jimenez, 10

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.