Raikkonen apoia o retorno da bandeira de advertência à F1

Kimi Raikkonen

Kimi Raikkonen apoiou o regresso à Fórmula 1 da bandeira branca e preta por comportamento anti-desportivo. Foi relatado em Spa que o diretor de corridas, Michael Masi, disse aos pilotos durante o briefing que eles serão mais frequentemente avisados sobre infrações ao pilotar do que punidos instantaneamente.

Então, durante a corrida, a bandeira preta e branca fez seu verdadeiro retorno. “Para mim, é a versão automobilística da bandeira amarela no futebol”, disse Masi.

Raikkonen, o piloto mais velho e mais experiente do grid, apoiou a jogada. “Nós nos acostumamos com essas bandeiras no kart, mas por alguma razão isso parou na Fórmula 1”, afirmou o finlandês.

“A bandeira foi desenhada para estas situações, por isso é bom que a Fórmula 1 tenha se lembrado disso. Acho que é estúpido punir imediatamente alguém simplesmente porque diz isso nas regras. Temos bandeiras e esta tem provavelmente cem anos, então vamos usá-la”, acrescentou Raikkonen.

O piloto da Alfa Romeo explicou que enquanto o controle de corrida pode decidir avisar repetidamente um piloto com a bandeira, penalidades imediatas também continuarão a ser aplicadas em alguns casos.

“Se você fizer algo obviamente muito estúpido, então você não vai ver a bandeira, você receberá a penalidade. Mas para pequenas coisas é suficiente avisar”, concluiu Raikkonen.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.