Piloto da Semana: MotoGP – Etapa de Barcelona – 08/06/2016

Valentino Rossi

Valentino Rossi

Nome: Valentino Rossi. Nascimento: 16 de fevereiro de 1979, em Urbino, Itália. Equipe: Yamaha Factory Racing (Moto GP). Títulos: Nove vezes campeão no Mundial de Motovelocidade; 125cc (1997), 250cc (1999), 500cc (2001), Moto GP (2002, 2003, 2004, 2005, 2008 e 2009).

Valentino Rossi viu os pilotos espanhóis vencerem em sua casa, mas deu o troco neles em grande estilo neste domingo em Barcelona. Foi a segunda vitória em sete etapas do piloto da Yamaha em 2016.

Rossi, que foi o mais rápido no treino de aquecimento, chegou a cair para oitavo após a largada. Ainda na primeira volta já estava em sexto, e no começo da segunda fez ultrapassagem dupla sobre Andrea Iannone (Ducati) e Maverick Viñales (Suzuki).

Na terceira volta, Rossi já deixou Dani Pedrosa (Honda) para trás. Na sexta, assumiu o segundo posto ao passar por Marc Márquez (Honda). E a liderança foi alcançada na sétima volta, ao superar o companheiro de equipe, Jorge Lorenzo, na curva 1.

A outra Yamaha liderou desde a largada, mas na sétima volta já estava em terceiro, atrás também de Márquez. Lorenzo foi ultrapassado por Pedrosa na nona volta e por Vinãles na 12ª. Restando nove, o atual campeão foi atingido por trás por Iannone na freada da curva 10, com ambos indo ao chão.

Márquez reassumiu a liderança do campeonato com o segundo posto, mas não estava satisfeito. Ele foi para cima de Rossi nas voltas finais, e após duas tentativas, passou a Yamaha restando três voltas. O italiano deu o troco na passagem seguinte, também na curva 1, e conseguiu se manter até o final.

Pedrosa chegou em uma solitária terceira posição, seguido por Vinãles. A prova foi disputada em um traçado diferente desde o sábado, em virtude do acidente fatal de Luis Salom na Moto2.

“Eu acho que foi um domingo perfeito, porque esta manhã a configuração da moto melhorou muito e após o warm up me senti mais confiante sobre a corrida. A corrida foi ótima! Embora o início não tenha sido fantástico, eu estava forte o suficiente para voltar, fazer algo de bom ultrapassagens e chegar na frente. A partir desse momento eu tentei puxar 100% para ir embora sozinho, mas infelizmente eu não era rápido o suficiente para afastar Márquez. Tentei ficar calmo e andar bem, porque eu senti que tinha um bom ritmo e me senti bem com a moto. No final, eu estava pronto para a batalha, que foi boa, com muitas ultrapassagens, e eu estava pronto para dar-lhe uma tentativa”, disse Rossi.

“Você não pode desejar uma corrida melhor, eu acho. Esta é uma das minhas pistas favoritas e desde 2009 que eu não vencia aqui, e isso não era ótimo para mim. Por esta razão eu estou mais feliz hoje e a batalha com Márquez nós podemos colocar no mesmo nível que a batalha com Lorenzo. O que aconteceu em Mugello foi muito triste, porque eu estava pronto para lutar pela vitória lá, o que seria fantástico. Ao longo da última semana, eu apenas pensei que eu tinha que tentar fazer o mesmo, chegar pronto para a corrida. Juntamente com a minha equipe fizemos um grande trabalho e eu acho que essa é a melhor maneira de esquecer os zero pontos em Mugello”, concluiu o Piloto da Semana do Autoracing.

Valentino Rossi (MotoGP) obteve a vitória entre os internautas com 69% dos votos. Sebastien Bourdais (Fórmula Indy) ficou na segunda posição com 9% dos votos.

Texto: Eduardo Behling

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.