MotoGP – Comentários de sexta-feira – Yamaha – Áustria 2016

Jorge Lorenzo

Jorge Lorenzo

Jorge Lorenzo: Há uma diferença entre nós e os nossos rivais, mas você sabe que tem que trabalhar em sua própria moto e seu próprio ritmo para tentar melhorá-lo e é isso que nós fizemos. Nós tentamos modificar a moto e melhorar alguns décimos, temos um bom ritmo. Nós não colocamos o pneu mais macio na parte traseira como alguns outros pilotos, por isso temos alguma margem para ficar ainda mais perto. Especialmente na parte da manhã estava muito frio e em apenas algumas ocasiões estava mais frio do que hoje. Foi complicado, porque nós tivemos que ter cuidado em algumas curvas para evitar bater. Na parte da tarde foi um pouco melhor, com a temperatura alguns graus mais elevada, por isso, tivemos uma sensação melhor, mas esperamos que amanhã o sol vá brilhar um pouco mais e nós possamos ter mais confiança.

Valentino Rossi: Houve uma grande diferença em comparação com o teste, com muito mais baixas temperaturas na pista A moto era mais difícil de montar e foi especialmente desafiador sem a aderência correta. O primeiro dia não foi tão ruim, foi realmente muito positivo, porque o meu ritmo foi bom. o maior problema é que dois rivais de fábrica estão muito fortes, por isso temos que trabalhar e dar o máximo para tentar reduzir a diferença amanhã. Os pneus que a Michelin trouxe aqui são melhores do que aqueles que usamos no teste, a alocação está OK. o problema é que não temos mais pausa de verão, é mais uma temporada, por isso temos que esperar e torcer para um tempo bom amanhã, e, especialmente, no domingo.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.