MotoGP – Comentários de sábado – Jerez 2018

Dani Pedrosa

Cal Crutchlow (LCR Honda), P1: Acho que não temos muita margem para melhorias com a Honda agora. Chegamos a um nível em que os outros fabricantes podem ganhar mais durante a noite. Eu disse isso ontem à noite, mais uma vez digo hoje à noite, porque estamos no limite com o nosso pacote. Sabemos que (Andrea) Iannone, (Andrea) Dovizioso ambos ainda têm um bom ritmo, e Johann (Zarco). Mas, com certeza, Dani é o cara a se vencer neste final de semana, o mesmo do ano passado. Mas Marc é um piloto melhor, então você nunca sabe o que pode acontecer. Estou ansioso para ver o que acontece e eu pretendo estar no pódio.

Dani Pedrosa (Honda), P2: É sempre importante estar na primeira fila e estou feliz e surpreso com este resultado. Estamos trabalhando muito neste fim de semana, nesta condição física é difícil encontrar o melhor sentimento na moto, mas a equipe está ajudando e eu agradeço. Estamos fazendo o melhor trabalho que podemos e acho que agora temos que nos concentrar no pneu para a corrida. Em corrida, parece que muitos pilotos têm bom ritmo – por isso temos que nos focar muito e vamos ver como me sinto no final. A força na minha mão é um dos pontos mais importantes sobre amanhã, vou tomar analgésicos para tentar ajudar a ver se consigo lidar melhor com isso. Com certeza ainda não estou recuperado 100%, não sei como será, mas vou me concentrar volta a volta.

Marc Márquez (Honda), P5: Hoje não foi o meu melhor quali. O problema era que o potencial do pneu era bom na primeira volta. A estratégia que Cal teve foi a melhor, mas, por outro lado, em todas as voltas, cometemos algum erro. Eu não poderia fazer a volta perfeita, talvez eu estivesse empurrando a moto demais, a pista estava escorregadia, era mais quente e mais escorregadia. Por outro lado, estou feliz, vamos começar em quinto, a primeira fila é importante, mas estamos na frente e temos o ritmo. A principal coisa a escolher é o pneu. Cal está na pole e ele será rápido, mas no ritmo Dani é muito, muito rápido. Normalmente, Dani é capaz de manter o ritmo e manter as voltas do mesmo jeito, então precisamos trabalhar nisso, para conseguir o ritmo também, mas nossos tempos de volta são bons e muito próximos dos dele, então é claro que será difícil. Não é como Austin, mas é um bom lugar.

EB - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.