Indy – Max Chilton comemora continuidade na Ganassi

Max Chilton

Max Chilton

Max Chilton acredita que a sua permanência na Chip Ganassi Racing em sua segunda temporada na Fórmula Indy em 2017 é “extremamente importante”. O piloto inglês foi para os EUA depois de deixar a Fórmula 1 no final de 2014, emparelhando um programa da Nissan no WEC com a Indy Lights.

“É extremamente importante ter essa continuidade”, disse Chilton. “Ter pelo menos o mesmo engenheiro de equipe – o engenheiro é com quem você trabalha mais de perto – é bom você continuar com ele para manter esse relacionamento, e idealmente tentar manter o mesmo grupo de mecânicos”.

“Quando todos sabem como trabalhar uns com os outros, você não precisa gastar tempo aprendendo – você já sabe o que quer sem ter que falar muito. Eu sei da minha experiência em monopostos, isso realmente ajuda. É por isso que você vê um ex-campeão, um campeão múltiplo, com a mesma equipe por muitos anos”, explicou.

Chilton passou duas temporadas com a Marussia na F1. Ele classifica sua primeira temporada na Indy – onde terminou em 19º na classificação com um sétimo lugar como melhor resultado – como “provavelmente um dos meus maiores anos no automobilismo”.

“Mesmo que as velocidades sejam semelhantes às da F1 e os carros não sejam muito diferentes, é a maneira americana de competir”, comentou Chilton. “As pistas eram todas novas para mim, os circuitos de rua incrivelmente ondulados e apertados, a corrida em oval é incrivelmente rápida e próxima”.

“Com meus companheiros de equipe você pode realmente ver que (experiência) faz a diferença – eu acho que (Scott Dixon e Tony Kanaan) estão entrando em seu 15º ou 16º ano de Indy. É tão bom ter essa experiência em sua equipe. Estou ansioso para fazer o meu melhor no próximo ano, e eles podem aprender comigo também”, prosseguiu.

“Houve um tempo em que a velocidade do nosso carro foi realmente muito boa, especialmente para o final do ano. Esperamos manter esse ímpeto no próximo ano”, concluiu Chilton.

EB - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que contenham ofensas não serão aprovados pelo moderador.