F1 – Wolff: Regras de 2019 não vão mudar muita coisa

Mercedes e Ferrari

O chefe da Mercedes, Toto Wolff, lançou dúvidas sobre o impacto que as novas regras aerodinâmicas da Fórmula 1 terão na qualidade das corridas durante a temporada de 2019.

Os ajustes nas regulamentações aerodinâmicas da F1 foram introduzidos para a próxima temporada em uma tentativa de incentivar corridas mais próximas e promover mais oportunidades de ultrapassagem.

Os regulamentos técnicos atuais da F1 permitem que o fluxo de ar seja empurrado em torno dos carros, o que resulta em interrupção negativa e instabilidade para o carro atrás, especialmente tendo um impacto negativo no desempenho dos pneus e no gerenciamento de freios.

“No momento, é muito difícil para os carros seguirem porque você perde downforce, o pneu perde aderência e, portanto, a ultrapassagem é muito ruim”, explicou Wolff.

“Quando você olha para algumas das classes juniores, como Fórmula 2, por exemplo, há algumas grandes corridas lá na verdade. Eles são capazes de chegar perto”.

“O objetivo era tirar um pouco da aerodinâmica e direcionar o fluxo de ar para o topo do carro, mas eles lutam contra 2000 aerodinamicistas em todas as equipes e acho que encontramos soluções para colocar o ar ao redor do carro, então não vai mudar muito”, acrescentou Wolff.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.