F1 – Vettel: Renascimento da Ferrari tem raízes em 2016

Sebastian Vettel

Sebastian Vettel

Sebastian Vettel diz que a crise na Ferrari no ano passado foi crucial para garantir os resultados que a equipe tem desfrutado no início de 2017.

A Ferrari teve uma temporada sem vitórias em 2016 após as grandes esperanças de lutar pelo título no começo do ano darem em nada. No meio da temporada, o presidente da Ferrari, Sergio Marchionne, fez uma série de reuniões de alto nível que levaram o diretor técnico James Allison a deixar a equipe e ser substituído por Mattia Binotto, do departamento de motores da Ferrari.

Binotto começou a reorganizar os departamentos técnicos em Maranello para promover mais o talento caseiro e criar mais liberdade para que as ideias fluíssem dentro da hierarquia técnica da equipe. Vettel acredita que a sacudida foi necessária para levar a equipe para frente e disse que as mudanças realmente começaram a ter efeito durante o inverno.

“Obviamente, fizemos um grande esforço durante o inverno (para construir um carro competitivo)”, disse Vettel. “Eu acho que o ano passado foi um ano muito bom para nós, não foi bom em termos de resultados, não me interpretem mal, mas acho para a equipe se manter unida e muitas coisas que mudaram parecem começar a funcionar”.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.