F1 – Verstappen apoia movimentos para substituir Whiting

Charlie Whiting

A F1 consegue lidar com as consequências da morte súbita de Charlie Whiting. Essa é a visão de Max Verstappen, quando a FIA luta para colocar em prática um plano de sucessão de emergência para o falecido diretor de corridas, que morreu de repente em Melbourne.

Foi relatado já que, como na Austrália, Michael Masi será outra vez o diretor substituto de prova neste fim de semana. Mas agora emerge não somente que Christian Bryll dará a ordem de largada da corrida no Bahrain, mas que um terceiro oficial também fará algumas das tarefas anteriores de Whiting.

O piloto da Red Bull, Verstappen, apoiou as jogadas para substituir Whiting. “Eles se saíram bem, pois é uma tarefa muito difícil”, disse ele no Bahrain.

“Com o tempo, saberemos quais serão todas as mudanças, mas acho que na pista, todos sabem o que fazer e lidam muito bem com as suas tarefas”, completou o piloto da Red Bull.

EB - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.