F1 – Toto Wolff descarta trocar Mercedes por outra equipe

Toto Wolff

Toto Wolff admitiu que a Mercedes poderia introduzir uma nova especificação da sua unidade de potência imediatamente após a parada de agosto. “É uma possibilidade”, declarou o chefe da equipe, “mas ainda não decidimos. Temos também que pensar em 2020”.

E também excluiu a possibilidade de abandonar a Mercedes para liderar outra equipe de topo, por exemplo a Ferrari. “Não, não”, garantiu ele. “Não sou o típico diretor de equipe que consegue gerir equipes diferentes. Sou acionista dessa equipe e tenho uma relação esplêndida com a administração da Daimler”.

Wolff também revelou que considerou a possibilidade de inscrever Mick Schumacher no programa de pilotos da Mercedes. O filho de Michael Schumacher é membro da academia de desenvolvimento da Ferrari.

“Pensamos nisso, mas já estamos lutando para encontrar lugares para George Russell e Esteban Ocon”, explicou ele. “Mas Mick é um tipo fantástico que se desenvolveu muito na F3 e agora na F2, e tenho a certeza de que quando chegar a altura, também se vai sair bem na Fórmula 1”.

Finalmente, Wolff deixa a porta da Mercedes aberta para os pilotos de topo Sebastian Vettel e Max Verstappen para 2021. “Depois de 2020, tudo está aberto”, concluiu ele.

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.