F1 – Todt: Equipes devem proibir contratações como de Budkowski

Marcin Budkowski

Jean Todt diz que cabe às equipes de Fórmula 1 regulamentar a contratação de pessoal que sair da FIA.

A mudança iminente de Marcin Budkowski da FIA para a Renault causou tumulto entre as equipes.

De acordo com a lei suíça, Budkowski só teve que ficar três meses de “licença de afastamento” antes de fazer a mudança, mas a Renault decidiu que não deveria começar até 01 de abril.

As equipes pediram à FIA para intervir, mas o presidente da entidade, Todt, disse que não é responsabilidade da Federação.

“Como todos os nossos funcionários, Budkowski estava empregado de acordo com a lei suíça”, disse ele à Auto Motor und Sport.

“Há uma proibição de trabalho de três meses por lei, mas negociamos com a Renault para prolongar para seis meses. Então ele não começará até 01 de abril”, confirmou Todt.

Perguntado sobre como uma controvérsia semelhante pode ser prevenida no futuro, Todt respondeu: “Nós não podemos fazer muito”.

“A única solução seria se as equipes se comprometerem a não contratar pessoal técnico da FIA. Ou se o fizerem, faça isso com uma proibição de trabalho de pelo menos um ano”.

IB - www.autoracing.com.br

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que contenham ofensas não serão aprovados pelo moderador.