F1 – Todt: Bottas é mais disciplinado do que Barrichello

Jean Todt

Valtteri Bottas lidou admiravelmente com a saga de ordens da equipe em Sochi no último final de semana. Essa é a opinião do presidente da FIA, Jean Todt.

Lembrando do apogeu da Ferrari, o ex-chefe da Ferrari, Todt, ficou famoso por ter mandado Rubens Barrichello abrir caminho para Michael Schumacher, provocando a ira dos torcedores e e a proibição das ordens de equipe.

Mas a prática agora é legal, e Todt defendeu o chefe da Mercedes, Toto Wolff, por ter tomado a decisão de deixar Lewis Hamilton vencer no último final de semana. “Eu vi o que aconteceu e foi uma decisão honesta e justificada”, disse ele ao jornal La Gazzetta dello Sport.

“A diferença é que Bottas foi mais disciplinado do que Barrichello na Áustria em 2002”, acrescentou Todt. “Toda essa conversa é absolutamente sem sentido, porque as táticas das equipes fazem parte da Fórmula 1”.

“A única coisa importante é que ela não está escondida daqueles que assistem. Sempre foi desagradável usar táticas, mas sempre tentei lidar com esses episódios com honestidade”, explicou o francês.

Wolff diz que Bottas está preparado para fazer o mesmo “sacrifício” novamente em 2018 para ajudar Hamilton. Mas o ex-companheiro de equipe de Hamilton, Nico Rosberg, diz que há risco para Bottas.

“É muito ruim se você é rotulado como o piloto número 2”, declarou ele ao Sport1 da Alemanha. “Sua auto-confiança se vai e é difícil lidar mentalmente. Espero que Valtteri faça algumas boas atuações nas últimas corridas”.

Quer concorrer a uma réplica do capacete do Ayrton Senna? Clique AQUI e palpite sobre quem vai vencer o GP do Japão de Formula 1 no próximo domingo!

EB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.