F1 – Suspensão dianteira da Red Bull pode ser uma vantagem ou não?

Red Bull

A Red Bull tem executado uma suspensão dianteira única desde o início da temporada em um projeto que apresenta duas pernas separadas em vez da convencional única. Acredita-se que isso ajudaria seu desempenho nas curvas e poderia dar uma vantagem a eles.

O especialista técnico da Autosport e ex-diretor técnico da Jordan, Stewart e Jaguar, Gary Anderson, explicou por que a equipe faria isso.

“Pode haver duas ou três razões para esse desenho”, disse Anderson à Autosport. “Em primeiro lugar, à medida que o aro da roda vem para trás, ele fica mais baixo, então para obter a trava da direção você precisa ter um recorte na borda de fuga do wishbone para limpar o aro, o que significa que você perde um pouco da frenagem rigidez, ou você abaixar o esqueleto superior completo Novamente, isso reduzirá a rigidez das curvas.

“Em segundo lugar, poderia ser o que é chamado de suspensão multi-link, onde todos os links são independentes. Isso significa que eles podem ser aparafusados ​​através de seus pivôs individuais para alcançar o efeito mencionado acima.”

“Em terceiro lugar, uma suspensão multi-link também pode ser usada para alterar os ângulos do pino mestre, o que, por sua vez, alterará a cambagem com travamento de direção variável.”

“Isso pode ser conseguido com os locais do pivô posicionados de maneira ligeiramente diferente na extremidade externa do conjunto superior. Ele também pode oferecer transferência de peso através do eixo com bloqueio de direção variável.”

“Eu acho que é provavelmente o último e que a Red Bull está reduzindo o camber com altos ângulos de direção para aumentar a área de contato do pneu em curvas de baixa velocidade.”

Será interessante ver se outras equipes começam a copiar essa ideia e se a Red Bull ganhou uma vantagem ao fazer isso.

Quanto a pergunta do título, Gary Anderson não disse nada sobre isso, mas o Autoracing entende que geralmente quando um carro de corrida, principalmente um monoposto, tem uma frente demais “pregada”, a traseira fica mais solta e vice-versa.

E essa frente tão mais pregada que essa suspensão nova está proporcionado, provavelmente está soltando mais a traseira do que deveria, desequilibrando o carro e dificultando muito a tocada dos pilotos, principalmente de Pierre Gasly.

Talvez a única solução para continuar usando essa suspensão seja encontrar uma maneira de “pregar” a traseira do carro também através de alguma solução que a equipe ainda não encontrou

AS - www.autoracing.com.br

Tags
, ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.