F1 – Sauber tem confiança na Honda, apesar dos atuais problemas

Sauber

Sauber

Monisha Kaltenborn, chefe da Sauber, diz que “só pode confiar” no trabalho que a Honda está fazendo para levar sua unidade de potência à velocidade face ao acordo de parceria de motor para 2018.

A equipe privada vai se separar da longa parceria que teve com a Ferrari para unir forças com a Honda na próxima temporada, apesar da empresa japonesa ter dificuldades para o ritmo e a confiabilidade com o seu motor na McLaren.

Com a McLaren ainda não marcando nenhum ponto nesta temporada e explorando uma saída de seu contrato com a Honda, Kaltenborn insiste que não está preocupada em entrar em uma situação problemática.

“Nós só podemos ter confiança neles pelo que vimos, pelo que eles estão fazendo, e sabemos por nossa própria experiência, olhe em 2014, é muito difícil se o motor não é competitivo e, novamente, não houve nada que poderíamos fazer como uma equipe”.

“Nós não temos experiência na parte da unidade de potência. Nós podemos entrar e fazer algo valioso quando se trata de interfaces. Isso é algo que talvez possamos fazer, mas não é nosso principal negócio criar motores ou o que quer que seja associado à unidade de potência. Então não iremos nesse caminho”.

Exceto para os anos 2006 a 2010, quando a Sauber competiu como equipe de fábrica da BMW, a equipe suíça usou os motores da Ferrari entre 1997 e 2005, novamente entre 2011 e 2017. Também usou o motor Ilmor/Mercedes em 1993 e 1994, antes de mudar para a Ford por duas temporadas em 1995 e 1996.

IB - www.autoracing.com.br

Tags
, , , , , , , , , , , , ,

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.